2009/05/31

Os LCD LED com/sem Local Dimming

Os LCD LED estão na moda, permitindo cores fabulosas e espessuras reduzidas. No entanto... o principal problema dos LCDs continua a ser os níveis de preto, que aos poucos vão melhorando e que podem ser resolvidos se...

... se optarmos por um LCD com iluminação por LEDs... mas com dimming local!

A maioria dos modelos LED que podemos ver no mercado actualmente, têm apenas LEDs nas suas margens, como podem ver na foto que se segue, com os leds visíveis na barra superior:

Graças a difusores, a luz das margens é espalhada de forma uniforme por todo o painel LCD.

A vantagem? Permite a construção de aparelhos bem mais finos. Nos LCDs tradicionais com iluminação CCFL, as lâmpadas fluorescentes obrigam a uma maior espessura:

Ora, em ambos os casos, esta "luz" está sempre ligada (embora alguns modelos possam ajustar o seu brilho dinamicamente entre vários níveis) e cabe aos "píxeis" do LCD tapar completamente o seu brilho no caso de um ecrã a preto.
Obviamente, há sempre uma pequena fracção de luz que continua a passar pelos minúsculos espaços entre os píxeis... causando o tal "cinzento escuro" nos LCDs, em vez do preto total e profundo que seria desejado.
(E o teste é fácil de fazer: liguem o vosso LCD com uma imagem totalmente preta, numa sala/quarto completamente às escuras - será fácil verem o ecrã "iluminado", mesmo se este devesse estar completamente preto; não?)

No entanto... aquilo que nos interessa mesmo são os LCDs com sistema de iluminação LED com dimming local! Nestes modelos, a parte traseira do aparelho tem uma matriz de leds como a que se segue:

Cada parte da imagem é analisada continuamente, sendo apenas iluminados (com a intensidade adequada) as partes do ecrã que necessitem. O resultado: um ecrã completamente escuro nas cenas nocturnas.

 Por exemplo, para mostrar o símbolo Dolby, a imagem à esquerda representa os leds que estariam iluminados (parecendo desfocados por causa dos difusores que garantem a uniformidade da luminosidade), e a imagem à direita representa os pixeis do LCD que estariam activados.


 Numa cena real, o resultado é este (e ter em consideração que capturar este tipo de sistemas em "fotos" é muito complicado, já que a gama dinâmica real é bastante superior à que podemos ver nos nossos próprios monitores.):


A imagem da esquerda é um painel LCD com LEDs e local dimming, a imagem da direita é um LCD com backlight convencional CCFL. Apesar de a imagem no LCD com LEDs ser muito mais brilhante (nas partes brilhantes) o nível de negro continua escuro como sempre.


Esta imagem mostra novamente a intensidade dos LEDs nas várias zonas do ecrã para a imagem que vimos anteriormente.

Nesta demonstração da Dolby, ambos os televisores estavam a usar exactamente o mesmo painel LCD, sendo que a única diferença era o sistema de iluminação (CCFL num, LEDs com local dimming no outro.) O que torna as diferenças ainda mais impressionante - ainda para mais, tratando-se de um LCD já com alguns anos e que com o sistema de LEDs passou de "mediano" para um sistema superior a quase todos os outros LCDs no mercado.

As principais marcas já começam a oferecer alguns LCDs com local dimming, mas são ainda bastante caros. Resta-nos esperar que, tal como tem acontecido até agora... a sua tecnologia comece a ficar cada vez mais comum, e os seus preços fiquem bem mais acessíveis.

Fica a informação... para que tenham consciência desta "ligeira" diferença se estiverem interessados em comprar um dos actuais e bastante publicitados LCD LED que por aí andam.

6 comentários:

  1. Pois, com os OLEDs tudo isto se torna... obsoleto. :)

    ResponderEliminar
  2. É realmente a LED Tv da Samsung não faz dimming local como cheguei a admitir.
    Bom artigo sobre estas diferenças nos LCDs.

    ResponderEliminar
  3. bem, podes meter Plasmas ao barulho
    sao muito melhores em Preto q os LCDs convencionais

    ResponderEliminar
  4. Depende dos Plasma... Por norma, sim, têm melhores níveis de negro, mas não superam os LED local dimming. :)

    ResponderEliminar
  5. Eles andam a fazer render o peixe até à ultima gota, a o pessoal vai comprando.
    O "LED TV" da samsung é uma FRAUDE, pois aquilo é um LCD que na realidade trocaram as lampadas fluorescentes por LED's na parte de traz.
    Mas à conta deste nome "LED TV" e por ser mais finos (como se fosse fazer muita diferença depois de termos tido os CRT's com mais profundidade que largura).
    Os Plasmas são bem melhores que os LCD's em quase tudo menos para ter imagens estaticas (de um computador por exemplo), de resto não há discussão: tempo de resposta, contraste real, nivel de negros, angulo de visão, naturalidade das cores, tamanho de ecran, etc.. mas não sei como o pessoal continua a deixar-se enganar nas lojas (com muita luz?) e compram LCD's.
    Vai na volta para o ano 2010 aparecem com os "LED TV" com local dimming e voltam a atrasar o lançamento dos tão desejados OLED's TV que estes sim - FINALMENTE OLED não é LCD, mas sim LED!! :)

    ResponderEliminar

[pub]