2014/10/16

Apple apresenta novos iPads, iMac Retina e Mac mini


A Apple já apresentou os seus novos iPads, iMac Retina e Mac mini, num evento onde foram revisitadas as mais-valias do OS X Yosemite (que fica disponível hoje) e do iOS 8.1 (na próxima segunda-feira, com Apple Pay e trazendo de volta a Camera Roll - também a Apple mostra que sabe "recuar" face ao que os utilizadores pedem). Mas passemos aos iPads...

iPad Air 2 e iPad mini 3


Tal como aconteceu com os iPhone 6, a Apple continua na sua cruzada de espremer os seus produtos ao máximo, e o iPad Air 2 passa a ter apenas 6.1mm - o mais fino tablet actual - menos de metade da espessura do iPad original (já estou a imaginar alguém a ver se o iPad "dobra"!) Temos também a confirmação de que o iPad Air 2 vem com um ecrã com tratamento anti-reflexo, e um processador A8X melhorado em relação ao dos iPhone 6 (e particularmente na parte gráfica - devem ter adicionado mais uns "cores" ao GPU.)

A câmara passa a ser de 8MP, com HDR+, timelapse e 120fps; e a câmara frontal também melhorada com HDR e burst mode. WiFi (ac) e LTE mais rápido são outras das melhorias; e tal como já se sabia... temos Touch ID no home button.

O iPad mini 3 resumiu-se a um pequeno apontamento, sendo provavelmente equivalente ao novo Air 2 (actualização: não, afinal é apenas um mini 2 com Touch ID!); mas mais pequeno (duh!) e com câmara de apenas 5MP.


Mais curioso será a opção da Apple de manter os anteriores modelos, assim distribuindo os preços para "todos os gostos":

  • iPad mini - $249
  • iPad mini 2 - $299
  • iPad mini 3 - $399
  • iPad Air - $399
  • iPad Air 2 - $499

O iPad mini só lá está mesmo para "justificar" os $50 extra do mini 2...


iMac 27" Retina 5K


Contrariando os analistas que diziam que o ecrã para os Retina iMac não estariam ainda prontos para produção, a Apple apresentou mesmo o novo iMac Retina de 27" com resolução 5K.


Este iMac Retina 5K tem uma resolução de 5120x2880 e tem de base um Core i5 a 3.5GHz, 8GB de RAM, Fusion Drive de 1TB, e uma AMD Radeon R9 M290X. Os preços começam nos $2499... o que poderá não ser tão caro quanto se imagina (o monitor Dell 5K tinha um preço previsto idêntico... só monitor!)


Mac mini


O "esquecido" Mac mini também teve finalmente direito a ser actualizado. Passa agora a ter CPUs Intel Core de 4ª geração, memória flash PCIe mais rápida e 2 portas Thunderbolt. O preço é que poderia ter sido mais "mini", pois começa nos $499.


[fotos via The Verge]

6 comentários:

  1. Pelo que tive agora a ver o iPad Mini 3 a única coisa que trás de novo é o touch ID em comparação com o iPad Mini 2, sendo que os componentes são todos iguais ao seu sucessor. Dar mais 100€ por um iPad Mini que a única coisa que trás de novo é o touch ID?! Será que vale a pena?! (Não sei se os dados relativos ao iPad Mini 3 no site da apple estão actualizados, mas pelo que estou a ver acho mesmo que está actualizado já).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De facto tens razão - o iPad Mini 3 só difere do 2 (tanto quanto eu tenha percebido) pelo Touch ID. A explicação parece estar no iPhone 6 Plus que compete na "mesma área/tamanho" :)

      €100 pelo Touch Id provavelmente é escusado, mas há cada vez mais apps a usá-lo o para desbloquear. Também serve para autenticar as compras no iTunes/Apple Store. É provável que venha a servir para cada vez mais coisas - mas sobretudo num iPhone.

      Puseram também o Mini 3 com o preço do iPad Air de há um ano. O que não há dúvida é que há muito por onde escolher :)

      P.S. Não tenho qualquer dúvida que, a partir do iPad 3, quem tiver um não tem qualquer necessidade de trocar por um de nova versão. Não é uma questão de não haver melhorias, é de já serem bons que chegue. É o efeito "PC", que resulta em substituições menos frequentes - se e for Mac, então nem se fala :)

      Eliminar
    2. "De facto tens razão - o iPad Mini 3 só difere do 2 (tanto quanto eu tenha percebido) pelo Touch ID."
      "Não é uma questão de não haver melhorias, é de já serem bons que chegue."

      Bom que chegue = falta de capacidade de inovação.
      Não será preocupante ter um líder de mercado/segmento a estagnar?

      Eliminar
    3. "Não é uma questão de não haver melhorias, é de já serem bons que chegue", "que resulta em substituições menos frequentes" :)

      Referia-me ao iPad, em geral (a partir do 3, o Mini não conheço) - se já se está satisfeito com o produto que se tem vai-se gastar dinheiro a comprar um novo para quê?

      Quanto a inovações, houve no Air 2, não houve no Mini 3 (excepto o Touch ID). Do que fica, é que dos $249 aos $449 há muito por onde escolher.

      "Bom que chegue" não o restrinjo à Apple/iOS/Mac, embora dependa das pessoas e haja quem nunca está satisfeito com nada. Por mim, acho que é sensato, quando se atinge o "bom que chegue", não correr a comprar o último modelo, só porque teve uma inovação/melhoria aqui ou ali. (Obviamente que também há que considerar o "bom para o qual se tem dinheiro que chegue, ou que não faz falta para outras coisas") :)

      Eliminar
  2. HDR+ ? será o mesmo HDR+ que veio com o Nexus 5?

    ResponderEliminar
  3. Então iMac 5K, de € 2.699 euros, não é assim tão caro.

    Até concordo, o problema são o resto das despesas que tenho durante o mês :(

    ResponderEliminar

[pub]