2016/01/06

IE 8, 9 e 10 "morrem" a 12 de Janeiro


Demorou, mas chegou. A Microsoft dá por terminado o suporte oficial para os browsers IE8, 9 e 10, já a partir da próxima terça-feira, 12 de Janeiro.

É o dia pelo qual muitos web designers e web developers esperavam: a data da morte anunciada do Internet Explorer 8, 9 e 10 e que certamente irá ser acompanhada por muita celebração. A partir de 12 de Janeiro estes browsers deixarão de ser suportados, com a MS a recomendar que os utilizadores passem a usar o IE 11, ou o mais recente MS Edge incluído no Windows 10 e que quer acabar com a "má fama" que o nome Internet Explorer acumulou ao longo das décadas.

Nem será necessário dizer que, nos tempos que correm, é de importância crítica utilizar-se um browser actualizado. A internet é terreno fértil para todo o tipo de ataques, e qualquer falha conhecida de um browser é meio-caminho andado para que inevitavelmente se possa ficar com o computador comprometido. Claro que não faltam alternativas neste campo, como o Chrome, Firefox, Safari, Opera, etc. mas também é verdade que o MS Edge acaba por ser uma versão a experimentar e que nada tem a ver com os IE's de outros tempos.

Falta agora saber quanto mais tempo será necessário para que aqueles sites que ainda permanecem nos tempos do "made for IE" sejam actualizados para a modernidade. Da sua parte, a MS já fez o que tinha a fazer, agora cabe aos utilizadores fazerem "barulho" perguntando porque motivo ainda existem sites que só funcionem correctamente em determinado browser específico (ou que exijam Java. :)

7 comentários:

  1. O Edge tornou-se o meu browser de eleição. Rápido e onsome cerca de metade da RAM exigida pelo Chrome e 1/3 da que o Firefox devora.

    ResponderEliminar
  2. Não estou a perceber o motivo de celebração, antes pelo contrário: considero a notícia motivo de preocupação! Quem ainda usava IE 8, 9 ou 10 tendo tantas alternativas mais adequadas não vai agora deixar de usar só porque a MS deixou de dar suporte oficial. O que vai deixá-los ainda mais vulneráveis... A única coisa que os vai obrigar vais ser a troca de PC ou se o IE deixar de funcionar totalmente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, mas já tiveram muito tempo para se "mexerem"... se não o fazem por iniciativa própria há necessidade de dar uma ajuda "forçada". Senão, até onde se prolongava isso?

      De referir que o IE8 é de 2009, e o IE10 é de 2011... meia década é uma "eternidade" (mas sim, claro que também ajudará o facto da MS querer incentivar que as pessoas se mudem para o Windows 10 :)

      Eliminar
  3. A minha única preocupação é que neste momento so com o ie consigo submeter saft's no site das finanças. Todos os outros browsers que tentei já bloqueiam à partida essa aplicação (que se bem me recordo é java ). Alguem conheçe alternativas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que poderás continuar a usar o IE11, mas está visto que as Finanças terão que se modernizar... sob pena de terem que começar a fornecer PCs velhos aos contribuintes para poderem fazer as coisas que eles exigem. ;)

      Eliminar
    2. Sim, essa é a questão essencial. Nem quis acreditar que as finanças ainda não tinham criado algo compatível com o que se usa actualmente. Mas pronto, até lá vou abrindo o ie11 exclusivamente para isso.

      Eliminar
  4. A Microsoft devia era enviar um mail diariamente aos developers a informar isto. Ainda hoje peguei numa aplicação que só funciona bem no IE8, estamos em 2016, dizer a um cliente que compra um PC novo, com Win10 que a aplicação de uso diário só funciona bem em PC's antigos é uma treta.

    ResponderEliminar

[pub]