2016/02/22

Lenovo revela novos portáteis, tablets e smartphones no MWC

O MWC em Barcelona continua a fazer-nos chegar dose industrial de novidades, e a Lenovo é uma das marcas que apresentou produtos para todos os gostos, dos portáteis aos smartphones, passando pelos tablets e transformáveis.


Nos portáteis,temos o novo Yoga 710, com versões de 11 e 14" (Full HD), e CPUs que vão dos Core m5 ao Core i7, e opcionalmente com SSD de 256GB. Tal como os anteriores Yoga, este portátil pode ser usado em modo convencional, ou então rodar o seu ecrã de modo a adoptar diferentes coinfigurações (tenda, tablet, stand.)

Depois temos o Yoga 510 (que nos EUA e China será conhecido como Flex 4). Com versões de 14 e 15" este modelo começa num patamar mais económico mas mantém as capacidades da família. Pode ser equipado com CPUs até Core i7 e AMD Radeon R7 M460.

Preços:
  • YOGA 710 de 11" – disponível a partir de maio, por um preço a começar nos €799.
  • YOGA 710 de 14" – disponível a partir de maio, por um preço a começar nos €899.
  • YOGA 510 de 14" – disponível a partir de abril, por um preço a começar nos €479.
  • YOGA 510 de 15" – disponível a partir de abril, por um preço a começar nos €699.




O ideapad MIIX 310 é um tablet 2-em-1 de 10", e que embora tenha características mais modestas (nas versões mais equipadas vem com ecrã Full HD, 4GB de RAM, 64GB eMMC) tem a vantagem de ter um preço bastante mais simpático, começando nos 269 euros quando chegar ao mercado em Junho.


Passando para os Android....
O TAB3 10 Business não esconde as suas aspirações a atrair os utilizadores profissionais, e para além de vir equipado com Android 6.0 e Android for Work, até conta com um "Kiosk Mode" que garante que os utilizadores não saiam das apps desejadas. Vem com ecrã Full HD de 10", CPU quad-core de 1.3GHz, câmaras de 8MP e 5MP, e autonomia para 12h. Com preços a começar nos $199 em Julho.


Para quem procurar algo mais compacto e económico temos os TAB3 7 e TAB3 8, com ecrãs HD de (respectivamente) 7 e 8", que têm chegada prevista para Junho. Nos EUA estes modelos terão preços a começar nos $79 e $99; mas que por cá se traduzirão em 119 e 149 euros.



Nos smartphones a Lenovo mostrou o VIBE K5 e K5 Plus. Este último vem equipado com ecrã Full HD de 5", Snapdragon 616 octa-core, 16GB+microSD, câmaras de 13MP e 5MP e bateria de 2750mAh (amovível). O K5 "não-plus" vem com ecrã HD e Snapdragon 415. Curiosamente, enquanto que nos tablets a Lenovo já passou para o Android 6.0, nestes Vibe K5 continua a usar o Android 5.1. Quanto aos preços, nos EUA começarão nos $149 e $129 respectivamente, com lançamento anunciado para Março.



E para terminar, a Lenovo revelou o seu Lenovo Connect, que é uma rede de roaming que irá disponibilizar nalguns dos seus dispositivos, e que permitirá uma navegação despreocupada independentemente do país onde se estiver (na China, Europa, África e Médio Oriente). É uma tendência que se poderá tornar cada vez mais frequente no futuro, entre os grandes fabricantes, e também significar que o panorama das telecomunicações possa ser bem diferente.

A aposta nos eSIM e maior liberdade e independência dos operadores poderá fazer com que, no futuro, os produtos venham automaticamente com a sua ligação à rede do próprio fabricante (coisa que também funcionará como mais um elemento para tentar "fidelizar" os clientes.

Para alguns produtos poderá fazer sentido (os tais das Internet of Things)... mas espero que não nos retirem a liberdade de poder optar pelos operadores e tarifários que forem mais vantajosos para cada um de nós.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]