2016/03/10

Opera ganha ad-blocker nativo


O Opera volta a trazer a questão dos ad-blockers para o topo da actualidade, passando a incluir um ad-blocker integrado nativamente no browser e que o torna mais rápido e eficiente que os browsers onde isso é feito usando extensões.

O uso dos ad-blockers vai-se popularizando cada vez mais, não só como forma de evitar publicidade abusiva e poupar megabytes de tráfego adicional, mas também como forma de proteger os utilizadores do tracking excessivo (e até de potencial malware). Algo que o browser Opera agora passa a incluir de origem, referindo as vantagens que isso traz a nível de eficiência e desempenho.


Comparativamente a outros browsers onde o adblocker é uma extensão instalada à parte, o Opera obtém prestações bastante superiores, uma vez que esta filtragem e bloqueio de conteúdos indesejados é feito logo no momento de interpretação inicial da página web, permitindo que esses conteúdos nem sequer sejam descarregados - ao contrário do que acontece com algumas extensões, que se limitam a esconder a publicidade depois dela já ter sido descarregada.

Claro que é preciso ter em conta que o AdBlock Plus usado para referência nestes testes não é propriamente o ad-blocker mais rápido e eficiente; seria mais interessante ver que tal o Opera se comporta face a um Firefox ou Chrome com o uBlock instalado. Mas, seja como for, é sempre positivo ver os browsers a adicionarem esta funcionalidade de forma nativa, demonstrando que se tornou em algo quase indispensável para a internet da actualidade.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]