2016/04/01

Há jogadores a gastar milhares de euros no Clash Royale


O Clash Royale é o mais recente sucesso dos criadores do popular Clash of Clans e Boom Beach, e é inacreditável constatar que há jogadores a gastar muitos milhares de euros num jogo gratuito.

Que os criadores destes jogos são peritos em ganhar dinheiro à custa de jogos gratuitos, isso já sabemos (o ano passado a Supercell facturou mais de mil milhões de dólares, basicamente com apenas 2 jogos no mercado!) Mas o que será ainda mais surpreendente será descobrir que, para além dos potenciais milhões de jogadores que são capazes de gastar uns poucos euros para acelerar a sua evolução no jogo, no topo do ranking temos jogadores a gastar muitos, mas muitos, milhares de euros - o que acabar por fazer com que estes jogos se tornem nos mais caros de sempre.

O Clash Royale é um jogo multiplayer, e que embora seja de aprendizagem simples e divertido, é também extremamente competitivo. Ninguém gosta de perder, e há quem não olhe a meios para garantir que fica no topo da tabela mundial. O jogador no topo desta tabela já terá gasto mais de 12 mil dólares no Clash Royale, aos quais se somam mais de 18 mil dólares no Clash of Clans. Um valor que quase chegaria para comprar um Tesla Model 3.

Uma despesa que poderá ser parcialmente explicada pelo facto de se tratar de um YouTuber com 1.7 milhões de subscritores, mas que não será o caso de muitos outros que andam pelos lugares cimeiros da tabela, em constante mutação (neste momento ele já baixou para 19º lugar). Estima-se que este jogo esteja neste momento a render cerca de 1.5 milhões de dólares... por dia. E deverá aumentar ainda mais, à medida que o jogo vai contagiando mais gente. (Se também jogam, não deixem de se juntar ao clan do AadM.pt pois claro! :)


5 comentários:

  1. É caso para lhe chamar Cash Royale

    ResponderEliminar
  2. Incrível, uma coisa é certa o jogo esta muito bem feito, desde gráficos aos combates cloud support nunca esperei mais de 20 segundos para jogar contra alguém...e o clash of clans a mesma coisa!

    Uma fortuna por dia é certo mas com muita despesa tambem...e ainda existe quem nao perceba o interesse e potencial destes jogos mobile!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas também é preciso não esquecer que estes são o "Cristiano Ronaldo" dos jogos. Ou seja, para cada um destes que ganha milhões, tens milhões de outros que não ganham um euro que seja com os seus jogos. :)

      Eliminar
  3. Eu gosto deste modelo de negócio. Produtos grátis que são pagos por quem tem dinheiro e o resto da malta acaba por jogar de borla.

    Podemos inclusive fazer uma ligação deste modelo com o estado da pirataria. 'Quem tem dinheiro' compra produtos de entretenimento como música, filmes, jogos e software e permite que os piratas usufruam dos mesmos sem pagar. Quando os pagantes descerem abaixo de um certo nível, o modelo deixa de ser viável.

    ResponderEliminar

[pub]