2016/05/25

E-Ink cria novo papel digital com 32 mil cores


Os ecrãs e-Ink tem consumos incrivelmente reduzidos e podem ser vistos sem qualquer dificuldade à luz do Sol, e em breve serão mais coloridos que nunca graças a um novo avanço nesta tecnologia.

A E-Ink criou novo ecrãs ePaper que superam largamente a tecnologia anterior dos ecrãs e-ink a cores (que conseguiam exibir apenas 4000 cores). Com a nova tecnologia estes ecrãs passam a poder exibir até 32 mil cores, e com a vantagem de cada pixel conseguir produzir integralmente qualquer uma dessas cores, sem necessidade de subpixeis ou de filtros, contribuindo para uma qualidade de imagem superior.

Infelizmente, por agora ainda não deveremos ver esta tecnologia aplicada a ecrãs de dispositivos mobile. O primeiro produto a usar esta tecnologia são ecrãs de 20" (com 2500x1600 pixeis, a 150ppi) destinados a serem usados como painéis publicitários nas lojas.

Mesmo considerando que demora cerca de 2 segundos a actualizar a imagem num destes ecrãs, facilmente se podem imaginar inúmeros cenários onde um ecrã deste tipo poderia ter utilidade em nossas casas - nem que fosse para uma moldura digital capaz de apresentar fotos, e a informação do dia ao acordarmos. Mas, parece-me que nesta primeira fase o custo da tecnologia será demasiado penalizador, inviabilizando essa opção face a ecrãs com tecnologia mais popular (barata) como os LCDs.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]