2016/07/10

Recarregar um autocarro eléctrico já é mais rápido que encher o depósito de combustível


Um dos pontos negativos típicos dos veículos eléctricos é o tempo necessário para o ser recarregamento, mas isso parece ter chegado ao fim - graças a tecnologia que está disponível para todos os que a quiserem utilizar.

A Porterra é uma empresa que fabrica veículos eléctricos, e desenvolveu um sistema de recarregamento rápido apropriado para autocarros e camiões eléctricos que os pode recarregar em cerca de 10 minutos, mais rápido do que o tempo necessário para encher o depósito de combustível. Autocarros, camiões do lixo, veículos de entregas, e outros que passem o dia a circular em ambiente urbano são candidatos perfeitos para esta tecnologia, que em poucos minutos os deixa aptos a regressarem ao trabalho.

Para atingir esta velocidade de recarregamento, o sistema - que recorre a um carregador suspenso que se liga aos veículos que se colocarem debaixo dele - usa tensões de até 1000V e 1400A (um "bocadinho" mais dos que aquilo a que estamos habituados nos smartphones, onde lidamos com 5V e 1A ou 2A, embora os sistemas de carregamento rápido também já estejam a fazer subir esses valores.)

Não menos importante é que a Proterra decidiu disponibilizar estas patentes livremente, de modo a que qualquer outro fabricante possa tirar proveito desta tecnologia, assim facilitando a criação de um sistema standard de carregamento rápido para veículos pesados. Uma excelente iniciativa que esperamos que possa vir a contribuir para uma adopção mais rápida dos veículos eléctricos nas nossas cidades.

4 comentários:

  1. Só falta conseguirem por isto a funcionar com uma RJ45 usando PoE e 10Gigabits de forma a simultaneamente fazer o download das últimas 24h de todos os canais de TV e rádio :P
    Depois basta meter um switch com 16 portas destas em cada estação e serviço e já dá para todos os autocarros que circulam nas autoestradas ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Piadas à parte é muito bom saber que já é viável substituir os veículos pesados por ewuivalentes eletricos, pois deverá ser o próximo passo a seguir para combater a poluição, pelo menos os que circulam nas cidades - onde os veículos ligeiros deverão ser substituídos a um ritmo cada vez mais rápido e só ficará a faltar os pesados para termos o ar nas cidades com a mesma qualidade do ar no campo ;)

      Eliminar
    2. Comprei uma casa em Lisboa há 10 anos e escolhi uma rua secundária para não ter a confusão e plouicao mesmo à porta, e agora fizeram uma alteração ao trânsito que os autocarros já passam na rua e a nível de barulho nota-se bem a diferença, felizmente o ar não se nota tanto porque o vento costuma estar no sentido que leva o fumo para o outro lado.

      Eliminar
  2. Estou curioso com as fontes de alimentação para estes EV's

    ResponderEliminar

[pub]