2016/08/27

VW promete carro eléctrico que faz 500km com 15 minutos de carga


A VW quer distanciar-se o mais rapidamente possível do escândalo dieselgate, e para isso vai avançado com algumas promessas que todos gostariam de ver cumpridas: um automóvel eléctrico barato, com autonomia, e carregamento rápido.

Poderemos ver as primeiras linhas deste carro já no próximo mês no salão automóvel de Paris, sendo que por agora apenas é dito que o carro terá as dimensões exteriores de um Golf mas o espaço interior de um Passat. Para além disso, a VW colocou uma série de fasquias elevadas para este veículo.

A VW pretende que o carro tenha uma autonomia de 500km, que o tempo de recarregamento não ultrapasse os 15 minutos, e - por último mas não menos importante - que seja mais barato que um modelo equivalente com motor de combustão.

É certo que a VW também deixa uma "escapatória" referindo que esse é o objectivo, mas que ainda não sabem se o conseguirão tornar realidade. É que alguns rumores mais optimistas vão dizendo que este carro poderia chegar ao mercado já em 2018/2019, enquanto que a VW refere apenas um prazo mais prolongado, até 2025 (e não esquecer que, por essa altura, a Tesla já deverá ter feito "muitos estragos" - assumindo que o Model 3 realmente chega ao mercado a tempo e horas.)

7 comentários:

  1. Ainda bem que descobrimos esta 'nova' tecnologia... *Electricidade* parece mesmo revolucionária!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. acho que até vai fazer com que os carros deixem de ocupar e espaço.
      o fim dos congestionamentos e falta de estacionamento.
      :D

      Eliminar
    2. O problema continua a ser como armazena-la.

      Eliminar
    3. Isto já existe desde o século passado. A malta é mesmo tapadinha.

      Eliminar
    4. "O problema continua a ser como armazena-la.": porque não se investiu na investigação de baterias...

      Eliminar
  2. E aposto que vai ter estofos com pele de unicórnio e que vai curar o cancro de quem se sentar nele.

    ResponderEliminar
  3. Mas os modelos vendidos em PT vão ter oferecer um kit de simulador de motor a combustão com barulho e fumo para quem está no interior do carro, pois apesar de o dieselgate ter provocado quebras nas vendas nos outros países, por cá ainda aumentaram as vendas...

    ResponderEliminar

[pub]