2016/10/16

Como era a qualidade das cassetes VHS?


Já chegamos a um ponto em que grande parte das pessoas com menos de 25 anos terá dificuldade em acreditar que em tempos se via vídeo "em cassetes"; mas não deixa de ser interessante revisitar o formato para ver se as nossas memórias da sua má qualidade de imagem realmente se confirmam.

Num passado (não) muito distante, as cassetes VHS faziam parte do nosso dia a dia; quer fosse para gravar algo que dava na TV que se queria rever mais tarde, ou para nos permitir ver os mais fantásticos filmes do momento após uma visita ao video-clube mais próximo. Mas precisamente por isso é fácil deixar que as memórias nostálgicas afectem a percepção que temos da qualidade de imagem que as cassetes VHS permitiam ter - tema que foi revisitado para nos tirar as dúvidas.


Embora as mesmas dessem para "desenrascar" no tempo dos televisores analógicos, as limitações das cassetes VHS tornam-se ainda mais evidentes agora que temos ecrãs LCD de alta-definição. Ainda assim, o teste feito tem em conta o impacto das cassetes usadas, e até a qualidade do master original fazendo-se também um teste com uma cópia de um filme digital em HD - e cujo resultado demonstra o melhor que seria possível atingir com essa tecnologia.

... Teria sido interessante comparar com o formato S-VHS, que prometia qualidade bastante superior; mas... quem é que, hoje em dia, teria paciência para rebobinar as cassetes depois de as ver? :)


5 comentários:

  1. Fui um sortudo, muito antes do VHS, lá em casa havia um Betamax, que por incrivel que pareça ainda trabalha e com imagem de "boa qualidade", enquanto o muito vendido, mais barato VHS e com má imagem, já não trabalha...

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Não fazia, não! O número de cabeças era 80% marketing. Só dava vantagem notória quando se gravava em Long Play.

      Eliminar
    2. Interessante... Acho que também melhorava a qualidade do slow motion(muuuiiito importante!)

      Eliminar
  3. Uma coisa que praticamente "se perdeu" foi o frame-by-frame. Era interessante para ver (por ex.) os duplos e as "acrobacias". Quando num frame a viatura estava mesmo a parti-se toda e no seguinte já era um novo. ;)

    ResponderEliminar

[pub]