2016/10/06

QR Codes podem conter até 2953 bytes de dados


A maior parte das vezes associamos os QR Codes aos pequenos códigos que nos permitem visitar um site apontando a câmara do smartphone para o símbolo, mas o standard ISO permite que os mesmos contenham até 2953 bytes de dados.

Falar de 2953 bytes nesta altura pode parecer um pouco ridículo, considerando que qualquer imagem numa página web pode facilmente ocupar megabytes (e se for um GIF animado, não surpreenderia que ocupasse 20MB ou mais) mas não deixa de ser interessante relembrar que estamos a fa lar de praticamente o triplo da memória que se tinha num micro-computador Sinclair ZX81 (1KB de RAM).



Esta foi uma máquina que terá influenciado muitos dos que viveram na década de 80 e já se interessavam por "computadores" (foi o primeiro computador com que tive contacto directo, com 10 anos, e vejam no que deu!) E não se pode deixar de esboçar um sorriso quando pensamos que todos aqueles programas e jogos que vagarosamente se carregava de uma cassete a "chinfrinar", poderiam ser codificados num único QR Code.

Se nos restringirmos a caracteres alfanúmericos poderemos incluir até 4296 caracteres num destes QR Codes; e se nos pudermos desenrascar só com números, então podemos codificar até 7089 dígitos.

Extrapolando para o futuro, será o equivalente a dizermos que daqui por 30 ou 40 anos teremos QR Codes que poderiam representar 12GB de informação (assumindo que um computador "normal" dos nossos dias tem 4GB de RAM). Mas provavlemente por essa altura já estaremos a utilizar computadores ópticos ou quânticos, e a achar que os 8 petabytes de memória fotónica que temos no implante cerebral já são curtos para instalar o Messenger do Facebook. ;P

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]