2016/11/13

Maior super-Lua desde 1948 chega amanhã


Se são daquelas pessoas que gosta de andar "com a cabeça na Lua", não vão querer perder o espectáculo amanhã, pois teremos o nosso satélite natural no ponto mais próximo desde a primeira metade do século XX e coincidindo com a fase de Lua Cheia.

As chamadas super-Luas são um fenómeno relativamente frequente, ocorrendo quando a fase da Lua Cheia coincide com o período de aproximação da Terra (o seu perigeu). A diferença de tamanho entre uma Lua Cheia que ocorra quando a Lua está mais afastada ou está mais próxima não é "revolucionária" mas é facilmente perceptível quando se colocam imagens de ambas lado a lado, fruto da diferença que pode ser de cerca de 50 mil quilómetros.


Só que a super-Lua de amanhã é ainda mais especial pois não só é a primeira do ano em que estará perfeitamente alinhada para a Lua cheia, como o seu perigeu será o mais próximo desde 1948, deixando-a a apenas 356.5 mil quilómetros de distância,

Em Portugal não teremos oportunidade de apanhar estes momentos máximos, que ocorrem às 13h52 em Portugal Continental, mas os portugueses poderão apreciar o nascer da maior Lua do ano a partir das 17h50, se as condições atmosféricas o permitirem; ou no dia seguinte (dia 15) a partir das 18h40.

Se por acaso não apanharem estar oportunidade, terão que esperar até 25 de Novembro de 2034, altura em que a Lua até se aproximará um pouco mais, ficando a 356.4 mil quilómetros de distância. (Para quem não quiser esperar tanto, ainda teremos outra super-Lua este ano, a 14 de Dezembro, embora a uma distância ligeiramente maior de 358.4 mil quilómetros.)


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]