2016/11/07

Neil Young dá-se por vencido e regressa aos serviços de streaming


A teimosia de Neil Young durou pouco tempo face à dura realidade das preferências dos fãs, tendo bastado quatro meses para que o artista regressasse às plataformas de streaming de onde tinha saído justificando-o com a "falta de qualidade sonora".

Em Julho, Neil Young anunciou que iria retirar as suas músicas das plataformas de streaming como o Spotify e Apple Music, dizendo que as mesmas não disponibilizam a sua música com qualidade suficiente. Algo que desde logo parecia ser um sinal de teimosia face ao falhanço do seu PonoPlayer que prometia música de alta-qualidade, mas que nem sequer se conseguia distinguir dos resultados obtidos por um iPhone, que em testes cegos continuava a atrair as preferências dos utilizadores.

Não era difícil prever no que esta intransigência de Neil Young iria resultar... e bastaram quatro meses para que ele tenha notado a diferença na carteira, mudando de opinião quanto à sua tentativa de querer ensinar os seus fãs como o deverão ouvir, e limitar-se a disponibilizar os seus conteúdos no maior número possível de canais, e deixar que sejam os fãs a escolher como o preferem ouvir. Sim, o catálogo musical de Neil Young está de regresso ao Spotify e Apple Music, e esperemos que sirva de exemplo para todos os outros artistas que, por qualquer motivo, achem que dificultar o acesso às suas obras é a solução.

De notar que nada tenho contra a "luta" de Neil Young pela promoção de formatos com melhor qualidade. A questão é que uma coisa é recomendar esses formatos mas deixando que a decisão esteja na mão dos seus fãs; outra coisa é achar-se no direito de remover a opção de escolha e exigir que os fãs o ouçam apenas como e onde ele quer. Bem, há que saudar o facto de ter aprendido a lição de forma relativamente rápida... antes de se arriscar que o seu desaparecimento das plataformas de streaming apenas contribuísse para se tornar num ilustre desconhecido das novas gerações.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]