2017/03/08

Firefox 52 vem com WebAssembly


O ano passado falamos da criação do WebAssembly como resposta à necessidade de criar programas de alto-desempenho para os browsers, e agora o Firefox 52 torna-se no primeiro a permitir-nos dar alguns passos nesta nova realidade web.

Embora a criação do WebAssemble tenha sido aprovada por todos os "grandes" que têm peso nos browsers (Google, Microsoft, Mozilla, WebKit) foi a Mozilla que mais se adiantou e que agora nos apresenta o Firefox 52 com WebAssembly.

A tentativa de derrubar as barreiras entre o tipo de programas que consideramos nativo e "web" há muito que vai sendo tentada, muitas vezes apostando-se em soluções proprietárias, mas este WebAssembly parece ter tudo o que é necessário e, não menos importante, é consensual entre os principais browsers.

Com o WebAssembly, os developers podem criar programas compilados que poderão ser executados em qualquer browser com WebAssembly, independentemente de se tratar de um computador desktop, ou um tablet ou um smartphone. A nível de desempenho as diferenças entre um programa em WebAssembly e nativo deverão ser bastante reduzidas, ao ponto de se tornar possível, num futuro não muito distante, ter programas estilo Photoshop ou Premiere a correr dentro de uma janela do browser, ou ainda jogos com qualidade idêntica à que teríamos fora do browser. Tudo isto sem necessidade de instalações, e bastando apontar o browser para o endereço correcto.

... Será que finalmente estamos a dar os primeiros passos para o domínio das web apps? Esperemos que sim!


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]