2017/05/28

Google já deixa fazer pesquisas nos nossos dados pessoais


Para além de permitir pesquisar coisas por toda a internet, o motor de pesquisa da Google passa agora a poder apresentar-nos resultados apenas de entre as nossas próprias coisas.

Quando se faz uma pesquisa no Google, os utilizadores já têm a opção de seleccionar se querem ver imagens, vídeos, notícias, etc. Agora, a esses grupos junta-se uma nova categoria "Personal" (que podem aceder através do "more") e que limita os resultados apenas a coisas que estejam na nossa própria conta nos vários serviços da Google, como o Gmail, Google Photos, Google Drive, etc.

Ora, ninguém duvida de que ao se utilizarem os serviços da Google estamos a dar uma imensa quantidade de informação à empresa. Só os emails já permitem deduzir muita coisa sobre nós, e se a isso somarmos as nossas fotos, e até a nossa localização (se dermos permissão para tal), então até se torna difícil tentar imaginar todas as formas como essa informação poderá ser compilada e analisada.

Esta facilitação do acesso aos nossos dados através do motor de pesquisa principal acaba por ser apenas uma forma de tornar mais visível aquilo que a Google sabe e guarda sobre nós... Não sendo por isso que deixará de ser prático para quem já decidiu que o negócio de fornecer toda esta informação em troca de serviços gratuitos lhes continua a compensar.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]