2017/06/14

Moonlight leva jogos do Steam para o Android, iOS e Chrome


Que vos parece a ideia de poderem jogar qualquer dos jogos que têm no Steam no vosso PC, num smartphone Android, num iPhone ou num iPad? É isso que faz o Moonlight, recorrendo a um pequeno truque.

O Moonlight, disponível para iOS, Android, Chrome/Chrome OS e até para o Raspberry Pi, e tira partido do streaming de vídeo disponibilizado pelo serviço da Nvidia, que já é utilizado para fazer precisamente este "transporte" dos jogos do PC para a Nvidia Shield. Infelizmente isso faz com que o sistema só funcione para quem tiver uma placa gráfica da Nvidia capaz de fazer este streaming (GeForce GTX 650 ou mais recente), mas quanto a isso não há nada a fazer.

Jogar jogos concebidos para PC num smartphone ou tablet nem sempre resultará na melhor experiência (e não será prático adicionarem um teclado e rato ao smartphone só para este fim), mas poderá ser útil para alguns estilos de jogos ou em situações específicas. Uma melhor opção poderá ser usar este sistema para fazer o streaming para um PC com Chrome/Chrome OS quando se está longe de casa, mas se for esse o caso será necessário andar a fazer o routing manual de portas para se conseguir aceder ao stream remotamente, e claro, ficarão à mercê da velocidade e qualidade da ligação via internet.

Seja como for, não deixa de ser uma opção interessante, e que até pode ser usada simplesmente como Remote Desktop (embora não faltem soluções para isso, se fosse esse o propósito principal.)


3 comentários:

  1. é muito bom, já uso a basante tempo, dou mais uso a fazer stream do PC fixo para o portátil dentro de casa, quando quero estar na cama hehehe

    ResponderEliminar
  2. Eu também uso e é excelente. Com gamepad na box android ligada à TV da sala.
    É pena que para termos o rato a funcionar como no pc a 100% o dispositivo android tem de ter root.
    E para mim alguns jogos têm mesmo de ser jogados com rato.

    ResponderEliminar
  3. O Moonlight não é o Silverlight para Linux?

    ResponderEliminar

[pub]