2017/08/09

iPhone 8 chegará em Setembro - mas em quantidades limitadas


O receio de que o novo iPhone 8 pudesse chegar só para o Natal devido às dificuldades de produção é minimizado com a previsão de Ming-Chi Kuo da KGI Securities, que diz que o mais aguardado iPhone de sempre será lançado a par do iPhone 7s e 7s Plus e Setembro.

Kuo tem tido uma boa tradição quanto a acertar nas previsões feitas para os iPhones, e é bem provável que este também seja um desses casos, já que o que nos diz é que embora tecnicamente o iPhone 8 seja disponibilizado ao mesmo tempo dos restantes iPhones, estará disponível em quantidades muito limitadas, o que poderá originar períodos de espera de meses - um pouco ao estilo do que aconteceu com os iPhone com o acabamento "piano black".

Segundo ele, a Apple terá apenas entre 2 a 4 milhões de unidades dos iPhone 8 prontos a tempo do lançamento... o que já faz imaginar o "desastre" que será, tendo em conta que isso é algo que será atingido (e superado) logo no primeiro dia. A produção em volume do iPhone 8 so deverá arrancar já em Setembro, o que também poderá dar origem a problemas de produção "acelerada" (no passado já tivemos iPhones a chegar aos clientes com os ecrãs amarelados, devido ao processo de cura do ecrã e vidro ainda não estar completamente finalizado, coisa que desaparecia após mais alguns dias).

Seja como for, mesmo com preço esperado para cima dos $1000 e o potencial risco de algum "qualquer-coisa-gate" causando pelos muitos componentes novos... é fácil antecipar que este será mais um grande sucesso da Apple... embora também me pareça natural que esta escalada contínua dos preços não possa ser mantida eternamente. (E por mim falo, eu sou um dos casos que já se recusou a pagar o preço pedido pelos iPhone 6, 6S e 7, tendo optado pelo mais "económico" iPhone SE, que se veio a tornar num sucesso de vendas - demonstrando que não sou o único a pensar o mesmo.)

5 comentários:

  1. Kuo prevê para este ano:
    - 45 a 50 milhões do iPhone 8 (ou X ou Pro).
    - 35 a 38 milhões do iPhone 7s
    - 18 a 20 milhões do iPhone 7s Plus.
    além dos outros modelos em produção.

    Haver poucos milhões do 8 em Setembro não é grave, desde que estejam prontos pelo Natal. Até aumenta o interesse no 7s e no 7s Plus, mais baratos, mas com custos de produção mais baixos (e quer provavelmente dão mais lucro). O 8/X/Pro sai fora do sistema habitual de um modelo por ano (mais os SE)- que vai ser o 7s e o 7s Plus. Vai ser mesmo premium, com um preço a condizer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que o que mais importa a saber é se o 7S e 7S+ se vão ter também ecrã de Oled!?
      Vamos a ver se corre tal como a Apple prevê... porque o 7S e o 7S+ não trazem nada de novo...

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. onde esta o talzinho rui? n era ele que dizia que os próximos iphones não era oled?

    ResponderEliminar
  4. E se no iPhone 8 o botão Home fosse virtual - desaparecesse ao ver um vídeo, mas aparecesse quando era preciso?
    Isso significava que essa zona do ecrã ficava reservada ao sistema - botão Home e outras funções.

    Esta ideia não é nova, mas um developer diz que descobriu o código correspondente na versão do iOS para HomePod
    http://www.idownloadblog.com/2017/08/10/iphone-8-virtual-home-button-functionality/

    ResponderEliminar

[pub]