2017/08/23

Plex remove opção de não partilhar dados com o serviço


O Plex está envolvido em nova polémica sobre a (ausência) de privacidade dos seus utilizadores, ao remover a opção que lhes permitia não partilharem dados com o serviço.

Como um dos mais populares serviços de gestão e streaming de conteúdos, o Plex é encarado por muitos utilizadores como sendo a solução ideal para manterem todos os seus filmes e séries organizados e acessíveis a partir de qualquer dispositivo em qualquer local. Mas como bem sabemos, cloud e privacidade raramente combinam, e uma alteração aos termos de privacidade tem levantado preocupações entre alguns utilizadores.

O ponto polémico é a de que o Plex deixará de disponibilizar a opção de não partilhar os dados de utilização com o serviço:
In order to understand the usage across the Plex ecosystem and how we need to improve, Plex will continue to collect usage statistics, such as device type, duration, bit rate, media format, resolution, and media type (music, photos, videos, etc.). We will no longer allow the option to opt out of this statistics collection, but we do not sell or share your personally identifiable statistics.

O Plex diz que se trata apenas de uma clarificação que vem remover uma falsa sensação de privacidade que se pudesse ter, já que, devido às ligações à cloud e integração com outros serviços, esses dados já têm obrigatoriamente que ser usados para permitir a funcionalidade que os utilizadores esperam do serviço.

Um utilizador que queira continuar a ver o filme que começou a ver em casa no dia anterior, no seu smartphone enquanto vai no autocarro, não poderá esperar que o serviço não tenha acesso ao sítio em que ficou e à resolução e qualidade de imagem que será mais adequada para transmitir o vídeo.

Claro que as explicações não convencerão todos, mesmo com o serviço a garantir que esta recolha de dados não se destina a ser vendida ou partilhada... pelo menos de forma "identificável". Mas de resto, é apenas o tipo de coisa que qualquer serviço com ligação à cloud sabe sobre os utilizadores, e que a ideia de que esses dados serão privados não passa de uma ilusão.

2 comentários:

  1. Está na altura de saltar para ao rival directo do Plex, que pelo menos é Opensource: o EMBY.

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

[pub]