2017/09/21

Google compra parte da HTC por $1.1 mil milhões


Depois dos rumores, a confirmação oficial: a Google acaba de comprar parte da divisão de smartphones da HTC pela módica quantia de 1.1 mil milhões de dólares.

O anúncio feito pela Google é apresentado como sendo uma parceria estratégica que vem reforçar a aposta da Google no hardware, mas que por outro lado também pode ser visto como um "gesto de amizade" a um parceiro de longa data - não sendo necessário relembrar que foi a HTC que lançou o primeiro smartphone Android no mercado, há quase uma década atrás.

A HTC era então um dos principais fabricantes, mas ao longo dos anos não conseguiu manter a sua posição face aos concorrentes. Actualmente nem está no top 10 dos fabricantes de smartphones, onde se encontram marcas como a Samsung, Huawei, Xiaomi, Vivo e ZTE, e as perspectivas para que regressasse aos tempos de glória não eram as melhores - o que não deixa de ser um pouco estranho, pois bem se sabe que a HTC tem capacidade para produzir produtos de qualidade.

A "parceria" acaba por ser de interesse para a Google, que nesta fase tem feito uma maior aposta na produção de hardware próprio (ao contrário do que acontecia na altura da aquisição da Motorola, e onde o principal interesse foi ficar com as patentes que a marca detinha) e este investimento certamente garantirá que a Google tenha acesso directo a toda uma linha de produção e especialistas com anos de experiência para o fabrico dos seus futuros produtos (sem esquecer que a HTC já fez os Pixel do ano passado e também um dos Pixel 2 que serão revelados no próximo mês - com o outro a ser fabricado pela LG).

... Esperemos que isto seja sinal que, daqui para a frente, os smartphones da HTC venham todos com Android One... ;P

6 comentários:

  1. As marcas ainda não perceberam que ganhavam mais em ter dispositivos com android one, do que com interface própria?

    O meu próximo dispositivo android será de certeza um android one. Tenho um xiaomi redmi note 3 pro, ainda com o android 6, que apesar de ter os patchs semanais, não está "actualizado".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. https://forum.xda-developers.com/redmi-note-3/development O que te falta? ;)

      Eliminar
  2. A Motorola custou-lhe 12,5 mil milhões.
    No caso da HTC não se percebe bem o que comprou. Segundo as notícias adquiriu:

    - Uma equipa de empregados da HTC, muitos deles trabalharam no Pixel
    - Licença não exclusiva para usar propriedade intelectual da HTC.

    Sendo assim, a Google não passou a fabricar smartphones, como no caso da compra da Motorola, que lhe correu pessimamente mal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. supostamnete na compra da motorola ficou com todas as patentes, que eram muitas.
      Pelo menos foi o que li na altura

      Eliminar
  3. Se a Google fizesse uma mirrorless em parceria com a Xiaomi (talvez baseada na M1) com HDR+ e vídeo 4k HDR isso é que era...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ?? really??
      Mais um sistema de objectivas e afins. Não sei se coiso e tal

      para além disso a mirrorless da xiomi não teve grande sucesso.

      Eliminar

[pub]