2017/09/26

Partilhar fotos dos bilhetes de avião pode resultar em contas roubadas


Alguns utilizadores, na ânsia de partilharem as suas viagens, podem decidir publicar fotos dos seus bilhetes no Facebook, Twitter ou Instagram. O que não sabem é que isso é uma autêntica porta aberta para que possam transformar as suas férias de sonho num pesadelo.

O desejo de partilhar nas redes sociais tudo aquilo que se faz pode trazer consequências indesejadas; e nada o demonstra melhor do que todas as portas que se abrem quando alguém publica uma imagem do seu bilhete de avião. Com a informação visível, em muitos casos é possível fazer alterações nos bilhetes ou até, com um pouco mais de pesquisa, apoderarem-se completamente das contas online dos utilizadores nas companhias aéreas.

Mesmo se por vezes alguns utilizadores têm o cuidado de tapar o nome número do bilhete, por vezes esquecem-se que essa mesma informação pode estar disponível no código de barras; e em muitos casos basta a informação visível no bilhete para se poderem fazer alterações da data das viagens (nada agradável para quem estiver a meio das férias, e na data em que seria suposto regressar descobrir que afinal não tem voo porque foi alterado para o dia anterior); ou até mudar o nome ou número do passaporte do passageiro (que no caso de ser alterado para os dados de algum criminoso procurado, também resultará certamente numa experiência pouco agradável).

Em suma... se querem garantir que as férias ou viagens corram com o mínimo de imprevistos, será melhor resistirem à tentação de publicarem tudo o que contenha informação pessoal detalhada... (o mesmo se aplicará a reservas de hotéis, de automóveis, etc.) Mais vale ficarem-se apenas pela partilha das fotos de comida, e de gatos, claro. :)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]