2017/10/11

Google Home Mini estava constantemente à escuta


O novo Google Home Mini pode ser o Google Home que muitos esperavam, permitindo ter o Google Assistant em casa a preço reduzido, mas um pequeno bug podia fazer com que estes aparelhos estivesse quase permanentemente à escuta de tudo o que se passasse em casa.

Ter equipamentos que nos escutam em casa e enviam esses dados para a internet para serem reconhecidos é algo que tem levantado algumas preocupações a nível da potencial invasão da privacidade dos utilizadores. Em dispositivos como o Google Home (e os Echo da Amazon) as empresas dizem que isso não se coloca, pois isso só acontece quando se diz a palavra chave inicial (como "Ok Google" ou "Hey Google", ou "Alexa" no caso dos Echo)... mas no novo Google Home Mini não era isso que estava a acontecer.

No caso dos Google Home, é possível iniciar o reconhecimento com um toque físico no dispositivo, evitando dizer a palavra chave, coisa que no Google Home Mini é feito fazendo um toque contínuo na sua parte superior. O problema é que por algum motivo esse sensor de toque pode registar "toques fantasmas" de forma frequente, fazendo com que o dispositivo esteja constantemente a escutar e a tentar interpretar tudo o que ouça.

Um salto ao histórico de actividade do Google Assistant já é por norma bastante reveladora sobre tudo aquilo que dissemos e que foi registado pela Google; e neste caso, os afectados deparavam-se com um registo de milhares e milhares de clips áudio captados a qualquer momento.

A Google apressou-se a lançar uma actualização de emergência (que removeu a funcionalidade de reconhecer o toque para dar comandos de voz) e diz que o assunto estará resolvido para todas as unidades que forem vendidas - já que este problema foi detectado apenas nas unidades enviadas para testes nalguns sites. Mas de qualquer forma, demonstra bem os potenciais riscos deste tipo de equipamentos... mesmo quando o culpado é um simples sistema de detecção de toques. (Faz-me lembrar o síndroma do botão "touch" nas PS4, que por vezes também começava a detectar toques inexistentes, fazendo-a apitar e ejectar discos sem razão aparente - e que acabou por ser resolvido nas versões revistas com o regresso aos botões físicos.)

Actualização: afinal não vai ser temporário, a Google vai desactivar permanentemente a função touch no Home Mini.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]