2017/10/27

Google Play Protect falha na luta contra malware

Sendo utilizado por milhares de milhões de pessoas, a plataforma Android é um chamariz para quem a quer utilizar para encontrar vítimas e espalhar malware, e o serviço de protecção criado pela Google parece não estar à altura do que se devia exigir.


A Google há muito que tem tentado minimizar o impacto do malware no Android. O Google Play Protect é uma das mais recentes ferramentas que a Google criou para o combate ao malware; actuando como um género de "anti-virus" que pode funcionar em praticamente todos os Android, independentemente da sua versão, procurando proteger os utilizadores de apps maliciosas.

O problema é que, de acordo com o AV-TEST (um laboratório independente alemão), o Google Play Protect acaba por falhar redondamente nessa tarefa, tendo sido capaz de detectar apenas 65.8% do malware mais recente e cerca de 80% do malware com mais de quatro semanas de existência.


Pondo estes resultados em perspectiva, outras apps de "antivírus" foram capazes de deter 99% do malware. Este resultado foi razão para que o Google Play Protect recebesse a pior pontuação de todos os produtos testados (zero, numa escala de 0 a 6) e, não menos constrangedor, tendo sido ó único a obter esta péssima classificação.

É certo que é melhor ter o Google Play Protect do que não ter nada, mas a sua prestação está longe de ser suficiente para deixar os utilizadores descansados. Embora seja de esperar que a Google rapidamente reaja a este teste e melhor o serviço, a principal recomendação para todos os utilizadores mantém-se: tenham sempre muito cuidado com as apps que instalam nos vossos smartphones.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]