2017/11/04

BMW, Daimler, Ford e Volkswagen criam Ionity para carregadores rápidos na Europa


Os fabricantes automóveis europeus parecem ter finalmente acordado para o facto da Tesla estar a expandir a sua rede de carregadores Supercharger, e tentam seguir a mesma táctica.

A Ionity é a empresa criada pela BMW, Daimler, Ford e Volkswagen, e que planeia instalar 400 carregadores rápidos para automóveis eléctricos na Europa, até 2020. É um número bastante reduzido, mas há que relembrar que o objectivo destes postos rápidos será potenciar as viagens mais longas e não servir como posto de carregamento "diário" (sendo que para isso os utilizadores deverão poder recarregar os automóveis em suas casas).

O que não me agrada nada ver é a tendência crescente de ver carregadores associados a marcas automóveis específicas. Isto é, por maus que sejam (em termos ambientais) os motores a combustão, as pessoas só tinham que se preocupar em saber se o carro gastava gasolina ou gasóleo, e podiam abastecê-lo em qualquer posto, independentemente da marca. Nos carros eléctricos - como se já não bastasse a confusão nas fichas de carregamento - arriscamos-nos chegar ao ponto ridículo de não se ter "electricidade standard" para todos, e ficarmos com postos que só carregam certas marcas...

Esperemos bem que não seja esse o futuro que aguarda os automóveis eléctricos... e que tanto os consumidores como as devidas entidades reguladores, existentes ou que tenham que vir a ser criadas, certifiquem-se que isso não aconteça. (No caso deste Ionity não parece ser o caso, pois irão dar uso ao "Sistema de Carregamento Combinado - SCC"  do sistema padrão de carregamento europeu.)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]