2017/11/19

Google ameaça retirar Cerberus da Play Store por se esconder dos utilizadores (e ladrões)


O popular programa anti-roubo Cerberus para Android está em risco de ser expulso da Play Store por a Google considerar que viola algumas das suas condições.

Se é certo que a Google há muito que implementou e disponibiliza um serviço de "find my phone" que permite localizar e bloquear remotamente um smartphone Android, por outro lado há quem prefira ter acesso a capacidades bastante mais avançadas, como as disponibilizadas por apps como este Cerberus, que incluem coisas como tirar fotos remotamente (ou no caso de engano na password) e enviá-las para o dono legítimo, simular um shutdown do equipamento (mas mantendo-o ligado), entre muitas outras funcionalidades.

Uma delas, e que é usada pela Google como motivo para este pré-aviso de potencial remoção da Play Store, é a possibilidade da app se esconder dos utilizadores, para dificultar a detecção por um ladrão; para além de que a Google também exige que uma app deste tipo tenha obrigatoriamente que apresentar uma notificação persistente, a informar o utilizador que está em funcionamento.


Ou seja, segundo a lógica da Google, a app que tem por objectivo permanecer indetectada por por potenciais ladrões, deverá apresentar continuamente uma notificação que indica que está em funcionamento, sinalizando isso de forma imediata para os mesmos!

... Não vai ser simples para o criador do Cerberus tentar dialogar com a Google, e também não ajudará que muitos dos seus antigos fãs ainda se sintam traídos por conta do cancelamento das contas gratuitas vitalícias, e agora vejam esta remoção como uma espécie de "vingança". Saberemos daqui por uma semana qual o desfecho desta situação; sendo que, o que me parece mais provável, é que a app passe a ficar disponível apenas para instalação directa, de fora da Play Store (mas com isso perdendo parte considerável de futuros clientes, que assim ficarão menos inclinados a confiar na app).

4 comentários:

  1. E podemos adicionar contas bloqueadas que compraram a licença, sendo acusados espiar os seus próprios dispositivos quando testavam as funcionalidades. Apesar de ser uma boa app, acho que irão pagar caro as politicas pouco transparentes.

    ResponderEliminar
  2. O app Cerberus é o que existe de melhor na função antifurto. Não faz sentido atender a estas novas exigências porque o app perderia sua serventia. Sair da play store certamente impactará a sua promoção aos novos usuários mas também permitirá que novas características que sempre foram impossíveis de incorporar (porque já eram incompatíveis com os termos de utilização originais) sejam adicionadas. Certamente o app ficará ainda melhor, principalmente com a ausência de usuários que não tem o capacidade de ler (as regras de utilização dos apps principalmente) mas tem tempo de reclamar depois quando reprimidos. Tenho duas contas pagas e não poderia estar mais satisfeito.

    ResponderEliminar
  3. estas regras so abrem mais uma backdoor num mundo cada vez mais digital... vejamos o seguinte exemplo eu pretendo ter uma app que espie os utilizadores me envie passwords fotos documentos e tudo mais que os utilizadores tenham no se telefone basta criar uma app deate género mas que respeite as politicas do google e depois altero propositadamente para algo mais a app e rejeitada mas a confuanca dos utilizadores pernanece volto a modificar a app para me enviar tudo o que quero em background e ponho a app fora do google play... bingo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é nada de novo. Há muito que se sabem de casos de "empresas" a aliciarem developers com apps antigas que tenham milhares de utilizadores, para tomarem conta delas e depois injectarem precisamente "funcionalidades indesejadas" via actualização...

      Eliminar

[pub]