2017/12/11

Que smartwatches Android Wear vão receber Android 8 Oreo


Afinal a suposta "não-fragmentação" nos smartwatches com Android Wear não é aquela que se esperava, e modelos como o Huawei Watch 1 já não vão ter direito à actualização para o mais recente Android 8 Oreo.

Embora a actualização para o Android Wear 2.0 já tivesse deixado para trás alguns smartwatches mais antigos, seria de esperar que entre aqueles que receberam esta versão do Android Wear as coisas estivessem bem encaminhadas a níveis de actualizações para o futuro - ainda mais quando se considera que a Google definiu regras bem apertadas quanto ao hardware e especificações para estes smartwatches.

Recentemente começou a ser disponibilizada uma nova actualização que actualiza o sistema de base do Android Wear do Android 7 para o Android 8 Oreo - com melhoria a nível da autonomia, suporte oficial para Portugal/Português, possibilidade de mudar as vibrações das notificações, e ainda poder bloquear o ecrã para não reconhecer toques ("Touch lock") - mas mais uma vez esta actualização vai deixar para trás alguns modelos.

Modelos que já estão a receber Android Wear Oreo(8.0) :

  • Fossil Q Venture
  • LG Watch Sport
  • Louis Vuitton Tambour
  • Michael Kors Sofie
  • Montblanc Summit

Modelos que poderão vir a receber Android Wear Oreo (8.0):

  • Casio PRO TREK Smart WSD-F20
  • Casio WSD-F10 Smart Outdoor Watch
  • Diesel Full Guard
  • Emporio Armani Connected
  • Fossil Q Control / Explorist / Founder 2.0 / Marshal / Wander
  • Gc Connect
  • Guess Connect
  • Huawei Watch 2
  • Hugo BOSS BOSS Touch
  • LG Watch Style
  • Michael Kors Access Bradshaw / Dylan / Grayson
  • Misfit Vapor
  • Mobvoi Ticwatch S & E
  • Movado Connect
  • Nixon Mission
  • Polar M600
  • TAG Heuer Tag Connected Modular 45
  • Tommy Hilfiger 24/7 You
  • ZTE Quartz

Entre as ausências mais notáveis estão o Huawei Watch 1, os ZenWatch 2 e 3, o Fossil Q Founder, o LG G Watch R/Urbane/Urbane LTE (que era um dos modelos de referência do Android Wear) e, mais uma vez os Moto 360 (2nd gen) e 360 Sport.

Estes modelos poderão continuar a receber actualizações relacionadas com o Android Wear 2.0 (embora me pareça que isso seja pouco provável) mas não terão direito ao Android 8.0 a servir de base à plataforma. Considerando que a Apple ainda disponibiliza actualizações para o seu Apple Watch original, mais uma vez se põe em causa a capacidade da Google em manter os seus equipamentos actualizados... mesmo neste segmento em que mantinham maior controlo sobre o hardware.

3 comentários:

  1. Depois admiram-se que os SW chinocas (com ou sem Android) e o Tizen progridam nas vendas...

    ResponderEliminar
  2. Sou só eu, ou o primeiro Android Wear era melhor que o segundo. Pelo menos gostava mais das notificações...

    ResponderEliminar
  3. Eu fiquei muito chateado com esta noticia que já tinha conhecimento , tenho um Huawei 1 e fico completamente indignado com a Google por ter deixado este e outros smartwatchs que no fundo foram quem alavancou o Android wear, a não ser que exista alguma explicação lógica a Google fica muito mal na fotografia, esta não é a forma de se tratarem os utilizadores .

    ResponderEliminar

[pub]