2018/01/12

GM promete carro autónomo sem volante nem pedais para 2019


Depois de um início vagaroso e tímido, temos todos os grandes fabricantes automóveis a acelerar nos automóveis autónomos e a GM até já diz que no próximo ano já terá um automóvel sem volante nem pedais para demonstrar esta nova era dos transportes.

Que os automóveis autónomos irão chegar ao mercado, disso ninguém tem dúvidas; o que é mais surpreendente neste anúncio da GM é a intenção de querer produzir em volume automóveis que já dispensam volante e pedais a partir do próximo ano.

O abandono destes controlos considerados essenciais em qualquer automóvel convencional representa uma confiança plena no sistema de condução autónomo, e fará com que os automóveis deixem de ser veículos que possam ser conduzidos, para passarem a ser meras "cápsulas de transporte". Isto irá inevitavelmente levar a grandes alterações no design interior dos automóveis, pois deixará de ser necessário contemplar esses requisitos que antes eram indispensáveis (espaço para o volante, considerações ergonómicas para o utilizar, assim como aos pedais, visibilidade para o exterior, etc.)

Continuo a achar que ter um carro assim já no próximo ano é demasiado ambicioso... mas fico contente por ver a GM a não se limitar em ir "a reboque" das empresas tecnológicas que tão fortemente apostaram nestas tecnologias. Talvez os carros 100% autónomos realmente cheguem mais depressa do que se imagina... mas seguramente ainda com muitos "asteriscos" quanto às zonas em que podem circular, e sob que condições meteorológicas.

Cá estaremos para ir acompanhando os desenvolvimentos.


5 comentários:

  1. vai ser interessante estacionar/movimentar o carro em casa, visto que o sistema de navegação não cobre essa área e que dentro das casas não há marcas rodoviárias. Será também interessante ver como estes carros se portam se se depararem com uma depressão (leia-se buraco) numa estrada de terra batida.

    ResponderEliminar
  2. vai ser interessante estacionar/movimentar o carro em casa, visto que o sistema de navegação não cobre essa área e que dentro das casas não há marcas rodoviárias. Será também interessante ver como estes carros se portam se se depararem com uma depressão (leia-se buraco) numa estrada de terra batida.

    ResponderEliminar
  3. Radar, câmara de filmar, luzes infravermelhas, luzes "normais", cpu, ram, eletricidade, software com IA...

    Estou a esquecer-me de algum ingrediente?

    ResponderEliminar
  4. Vitor Madeira

    Somente da coragem de andar nele..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eh, eh... Acho que aí, tenho que concordar! ;)

      Eliminar

[pub]