2010/12/13

Análise ao Kindle 3G da Amazon

Graças ao nosso fundo para gadgets, tive a oportunidade de - finalmente - poder passar algum tempo com um eBook reader. Até agora, o único contacto que tinha tido tinha sido os curtos momentos em que olhava para eles nas lojas, e estava bastante curioso para saber que tal se comportaria aquele que é considerado a referência do segmento: o Kindle da Amazon, aqui na sua versão mais recente e com 3G.


Primeiras Impressões
O kindle é oferecido com poucos acessórios: um cabo USB, e um transformador USB de tomada (aqui na sua versão "UK", pelo que o João Cordeiro terá que usar um qualquer outro carregador USB ou o computador para o recarregar. :)

O Kindle é bastante compacto e agradável de segurar, o que é bastante apreciado se o propósito for o de o levar connosco para todo o lado; permitindo o acesso a toda uma gigantesca colecção de livros digitais sem "pesar" nas costas.

No nosso caso, optamos também pela capa de protecção da Amazon, que faz com que o Kindle pareça, ainda mais, um caderno.

Sendo a 3ª geração do Kindle, este leitor de eBooks oferece um ecrã e-Ink de 6" mais evoluído que os modelos anteriores.
Este ecrã perfeitamente branco tem uma resolução de 800x600 com 16 tons de cinzento tem um melhor contraste, e reproduz texto e imagens com uma nitidez impressionante que faz lembrar... papel. Neste aspecto, a opção pelo modelo de cor grafite ajuda a realçar esse constraste (que se perde um pouco no modelo branco.)



A nível dos controlos, nada de complicado:  na parte inferior temos o botão de ligar/desligar; um botão de volume, a ficha micro USB, saída para headphones, e volume.
De ambos os lados do Kindle temos dois botões para avançar e retroceder de página (fazendo com que seja indiferente ser usado "de um lado ou do outro".)


Na parte frontal encontramos o teclado qwerty, de tacto agradável - e no seu interior temos 4GB de memória flash (alguma dela já utilizada pelo sistema do Kindle.)
Para além do WiFi, este modelo conta ainda com conectividade 3G graças ao serviço Whispernet da Amazon, que faz com que possam sincronizar e comprar livros em mais de 100 países, sem que seja necessário pagar qualquer mensalidade adicional.

Infelizmente, dependendo da morada de registo, podem ter - ou não - acesso à net via 3G no browser experimental. (Há relatos que poderão "dar a volta ao assunto", registando-se com uma morada do UK - mas não experimentei.)


Em Utilização

Sendo um aparelho feito para a leitura, e em que passaremos a totalidade do tempo a olhar para ele, rapidamente percebemos as vantagens do ecrã eInk. É mesmo fabuloso! Mesmo quando temos imagens, parecem desenhos em papel, não se fazendo notar a "baixa-resolução" dos 800x600.

Mesmo dando uma valente "flashada" no ecrã, não há qualquer problema... e o mesmo se aplica se o usarem sob plena luz do Sol.

Sim, continuam presentes os refescamentos psicadélicos monocromáticos sempre que se muda de página, mas longe do tempo que demoravam nos dispositivos de primeira geração. Considerando que o objectivo é "ler", a mudança de página é algo que se faz com pouca frequência relativa.

Mesmo assim, quando estamos - por exemplo - no Browser (que funciona de forma excelente, diga-se) o Kindle entra num modo de ecrã mais acelerado e que reduz esse tempo ainda mais; embora por vezes se notem alguns fantasmas ténues no ecrã, de restos de texto e imagem. De qualquer forma, proporciona uma utilização mais agradável do que eu imaginaria.


Quanto aos conteúdos, o Kindle suporta ficheiros:
  • Kindle, MS Word, TXT, HTML, JPEG, GIF, PNG, BMP, PRC, mobi, PDF, Audible, PRS

... e também CBZ! Algo que sem dúvida virá agradar a todos os que pretendam usar o Kindle para ler comics.
Basta arrastarem os documentos para a pasta respectiva quando ligado por USB; ou então, podem simplesmente seleccionar a loja de eBooks da Amazon no menu. (Nesse caso terão que o associar à vossa conta da Amazon.)

Outro detalhe engraçado... sempre que desligam o Kindle, ele mostra no ecrã uma imagem "aleatória" - já que ao contrário dos LCDs, os ecrãs eInk não gastam energia com as imagens estáticas, mas sim apenas quando há mudanças no ecrã. (Dica: como mudarem as imagens que aparecem no ecrã do Kindle.)

É por isso mesmo que se torna possível usar o Kindle por quase um mês com Wireless/3G desligados, ou cerca de uma semana com WiFi/3G ligados.




Apreciação Final



Fiquei bastante surpreendido com este Kindle, ao ponto de me deixar a desejar ter mais tempo para ler e rever livros e comics.
Embora continue a preferir a maior versatilidade de um Tablet, a verdade é que - para este efeito - ainda não há nenhum tablet que possa competir com o Kindle (talvez as coisas mudem, quando os ecrãs LCD da PixelQi finalmente chegarem até nós), mas é preciso não esquecer outro pormenor importante: o preço.

O Kindle pode ser comprado por cerca de 130 euros (na sua versão WiFi) - o que o torna numa excelente proposta para todos aqueles que não conseguem manter-se afastados das suas leituras, com uma imbatível relação qualidade/preço.

Amazon Kindle 3G

Prós
  • Ecrã eInk
  • Autonomia
  • Compacto e leve
  • Preço
Contras
  • Textos em PDF poderiam ser melhor geridos
  • Browsing via 3G obriga a "batota"

26 comentários:

  1. @Carlos
    Deixa-me dizer-te em uma palavra o que acho destes leitores de eBooks: DESPERDÍCIO!

    Parece-me um desperdício de espaço uma coisa tão grande em que usas apenas metade para leres :(

    ResponderEliminar
  2. @Lhia
    Tens que ter espaço para o teclado (para as pesquisas, tomar notas, etc.)
    A não ser que fosse com touchscreen e fizesses isso no ecrã. :)

    ResponderEliminar
  3. O Kindle permite fazer anotações nos textos em leitura, partilhar essa anotações, ouvir mp3 enquanto se lê, "ler" audiobooks, podemos enviar textos, livros para o Kindle directamente através de um mail criado para nós e disponibilizado pela Amazon. Como bom português gosto de ter acesso a muita coisa e de preferência sem pagar, por isso utilizo o Calibre (Mac/Win/Linux-Ubuntu) para "sacar" os jornais e revistas de borla. A duração da sua bateria é invejável e surpreendente. Comprei o meu via Amazon USA e recebi o adaptador de corrente para as nossas tomadas. Quem quer comprar um capa catita, em pele (pelo menos parece e cheira como tal) pode comprar nas lojas online da Ásia (tipo Dealextreme). Na net existem muitos locais onde podemos arranjar livros gratuitos e quem quer as últimas edições sempre o pode fazer através da Amazon a preços muito convidativos. Por fim, a Amazon permite partilhar documentos/livros/revistas em diferentes plataformas - telemóvel e computador, permitindo uma interoperabilidade muito interessante. O comportamento da Amazon em relação à minha pessoa tem sido irrepreensível (p.exª, devolveram-me quase 50 € por direitos alfandegários cobrados em Portugal, quando eu já os tinha pago à Amazon). Se é essencial? Não. Indispensável? Não. Mas que me facilita a vida e já não passo sem ele, é verdade.

    ResponderEliminar
  4. @Carlos
    Uma dúvida, podemos fazer "upload" de pdf's que possuamos para o Kindle, ou só podemos utilizar os que obtemos via Amazon?
    É possível ligar o Kindle via Wireless a uma partilha de rede e copiar os ebooks directamente para o Kindle?

    Obrigado pelas tuas partilhas de experiência com os vários produtos que testas, é sempre bom ter uma opinião extra! ;)

    Abraço e keep-up the good work! ;)

    NoFait

    ResponderEliminar
  5. Através de USB é só copiares para lá qualquer ficheiro suportado, incluindo PDFs, sem necessidade de passarem pela Amazon.

    Quanto a aceder directamente via WiFi, acho que não é possível... (por acaso esqueci-me de testar que tal se comportaria se fizesse um download de um pdf via browser.)

    ResponderEliminar
  6. Alexx, quanto ao Calibre dá para converter livros em formato ePub para formato Kindle com esse programa?

    É que estava interessado em comprar um Kindle mas queria saber se dá para converter os e-books que já tenho. Até porque a amazon.co.uk não vende livros em português.

    Lhia o teclado é necessário e tem bastante utilidade além de que não ocupa nem de perto metade do tamanho do aparelho.
    Além do mais os e-books com um ecrã capacitivo apresentam alguns problemas que ainda têm que ser resolvidos, além de haver pessoas que preferem botões físicos.

    ResponderEliminar
  7. Obrigado Carlos! Já estou a encomendar o meu :D :D :D :D :D

    ResponderEliminar
  8. Pedro
    O Calibre converte os ficheiros entre vários formatos. Todavia, devo confessar que apenas converto Doc e Txt pelo que não experimentei outros formatos. De qualquer forma o Calibre é gratuito e podes experimentar as suas potencialidades e limitações nesse domínio, mesmo sem Kindle.

    NoFait
    Passo os PDF directamente para o Kindle via Calibre. A visualização de PDF não é grande coisa. Se forem documentos de consulta intensa e para anotações, recomendo a conversão para doc/txt/rtf e depois através do Calibre para o Kindle.
    Via browser? nunca tentei mas tenho as minhas dúvidas.

    ResponderEliminar
  9. António Carlos13/12/10 16:24

    @ Carlos: grande review, muito obrigado! Tenho um Kindle 2 (com o qual estou satisfeitíssimo) e o pior é não arranjar pretexto para comprar um Kindle 3 preto (mais bonito e "maneirinho").
    Uma das grandes virtudes para mim deste tipo de aparelhos é a possibilidade de integrar dicionários a que se acede movendo o cursor dentro do próprio texto. Vem com um dicionário inglês/inglês incluído e eu já consegui acrescentar dicionários de castelhano e francês (ambos monolingues).

    @Pedro: a conversão de epub para mobi pelo Calibre funciona muito bem, um livro epub fica exactamente igual em mobi.

    ResponderEliminar
  10. Mas o formato do Kindle não é azw?
    O mobi não é diferente? Como é que mudando para mobi o Kindle lê o ficheiro?

    ResponderEliminar
  11. Sou utilizador recente do Kindle, e estou extremamente satisfeito :).

    Quando compram o Kindle ficam com uma conta associada "username@kindle.com", e podem utilizar esse mail para enviar os vossos e-books que serão mais tarde sincronizados para o vosso kindle através do Whipernet.

    Só uma dica que este serviço também suporta a conversão de pdf para mobi, basta enviar um mail com o pdf em anexo para username@kindle.com com o assunto 'Convert'.

    Até hoje nao precisei de sacar software adicional, envio tudo por mail :). É muito mais conveniente que tar a ligar por USB.

    ResponderEliminar
  12. António Carlos15/12/10 16:00

    @Pedro: o formato azw é de facto o formato em que a Amazon vende os seus livros. Mas o azw não é mais do que um mobi com alta compressão e com protecção DRM. Eu quando converto epub's passo-os logo para mobi, que o Kindle aceita também sem necessidade de outra conversão.
    Para mais informações recomendo este site:
    http://wiki.mobileread.com/wiki/E-book_formats
    E sobre os formatos que o Kindle aceita:
    http://wiki.mobileread.com/wiki/Amazon_Kindle_3

    ResponderEliminar
  13. @Carlos

    Qual é que é o serviço que utilizas, daqueles que fazem o reencaminhamento duma morada Inglesa para a morada Portuguesa.

    ResponderEliminar
  14. Após umas "voltinhas" no Kindle, continuo a achar que parece que estou no "Regresso ao Futuro", num DeLorean que tem um pouco do passado e um rasgo de novidade.
    É um misto de:
    "Black & White? Xiii... À quanto tempo!" - diz a parte de mim que é geek.

    versus

    "A quantidade de livros que consigo ter dentro desta espessura ínfima!" - a outra parte que gosta de ler um bom livro.

    A minha primeira parte não me deixa comprar algo deste género.

    ResponderEliminar
  15. @Nasp
    Foi mesmo um serviço de reencaminhamento "amigável" - ou seja, via um amigo lá no UK. :)

    ResponderEliminar
  16. a Amazon não o manda pra Portugal? .O

    ResponderEliminar
  17. @Pedro
    É a grande falha da Amazon. Por agora tem que vir via alguém que conheçam no UK, ou usando um serviço de redireccinamento de moradas... :(

    ResponderEliminar
  18. @Carlos
    Qual a diferença entre encomendar pela Amazon UK ou pela Amazon USA? Sei que a USA envia para Portugal e a UK não, mas optaste pela UK por alguma razão em especial?
    Já agora, conheces algum desses serviços de redireccionamento de moradas? Estou apesar comprar um Kindle também.

    ResponderEliminar
  19. @Tiago
    Optei pelo UK por lá ter um amigo no UK que se disponibilizou para reenviar para cá.

    Quanto aos serviços de "redireccionamento moradas", nunca tive necessidade de usar nenhum. :(

    ResponderEliminar
  20. (Em alternativa, podes sempre deixar uma mensagem no nosso Google Group, a ver se há por lá alguém do UK que não se importe de te fazer o reenvio ;)

    ResponderEliminar
  21. A Amazon vende o Kindle para Portugal, mas tem de ser comprado através da loja americana: http://www.amazon.com/gp/product/B003DZ1Y7M?country=PT . Vejam as condições, falam sobre as taxas alfandegárias e afins.

    ResponderEliminar
  22. será que alguém reparou nos comentários do amazon, um dos utilizadores refere "DO NOT BUY THIS FOR NON FICTION BOOKS", alguem partilha dessa opinião?

    ResponderEliminar
  23. Olá Carlos,tudo bom?
    Então,gostaria de saber sobre os pdfs...
    Quando converto um pdf para o kindle ele deve ficar no formato mobi? senão,qual o melhor formato?
    Depois de convertido a qualidade fica boa? fica bem legivel?
    Estou querendo comprar o Kindle, SÓ irei ler PDFS praticamente.

    ResponderEliminar
  24. @Carlos
    Então,gostaria de saber sobre os pdfs...
    Quando converto um pdf para o kindle ele deve ficar no formato mobi? senão,qual o melhor formato?
    Depois de convertido a qualidade fica boa? fica bem legivel?
    Estou querendo comprar o Kindle, SÓ irei ler PDFS praticamente.

    ResponderEliminar
  25. Oi :)

    Diz me uma coisa, com o kindle se uma pessoa fizer o download de um PDF da net por ex, não tem problema depois a passar po kindle? por causa do DRM ? Não dá problemas?

    E em relação aos ecras de 6" os PDF ficam bem formatados? Já li que dá problemas com PDF's com iamgens por ex.

    Thanks,

    Lisboa :)

    ResponderEliminar
  26. Alguém sabe dizer-me a razão por que a Amazon não vende o Kindle para portugal?

    ResponderEliminar

[pub]