2018/04/21

Nova técnica permite streaming de vídeo "sem bateria"


Criar uma câmara verdadeiramente wireless que seja capaz de fazer streaming contínuo tem sido considerado impossível, mas mais uma vez o impossível é relativo, com um grupo de investigadores a ter conseguido fazê-lo.

As câmaras wireless são comuns, mas são normalmente associadas a câmaras que fazem a transmissão de imagens sem fios mas continuam a precisar de um cabo para as ligar à electricidade. No caso das câmaras verdadeiramente wireless, que funcionam a baterias, estamos habituados a ter limitações como: apenas captura de imagens estáticas ou clips de vídeo de curta duração, ou autonomias reduzidas, etc. (embora de tempos a tempos lá surjam algumas surpresas, como a Evercam da Anker).

Mas há boas perspectivas para que isto mude drasticamente no futuro, pois estes investigadores conseguiram reduzir em 99% a energia necessária para o streaming de vídeo, permitindo criar câmaras portáteis que façam streaming contínuo durante meses ou anos!

O sistema recorre a uma técnica de backscatter, em que a câmara se limita a "reflectir" os sinais wireless enviados pela estação base, mas não se pense que isso interfere com a qualidade da imagem. Usando esta técnica é possível fazer o streaming de vídeo Full HD a 60fps se for necessário, usando menos de 1W de energia; mas será recomendável usar uma qualidade mais modesta para ganhos mais significativos: um stream HD 720p a 20fps poderá ser feito por menos de 80 microwatts!

Isto não só abre todo um novo mundo de possibilidades em termos de câmaras de vigilância, como também nos wearables e muitos outros dispositivos...


2 comentários:

  1. Fantástico. Mais uma vez se comprova que o "mundo" analógico ainda tem muito para nos dar.

    E isto recorda-me a necessidade de fazermos ver aos nossos políticos que, é um erro desligar a emissão de radio em FM analógico.

    ResponderEliminar

[pub]