2019/11/02

iOS 13.2 está a matar apps em memória de forma mais agressiva


O iOS 13.2 veio com o Deep Fusion para os iPhones 11 e várias melhorias, mas vem também com uma gestão de memória piorada, matando as apps em memória de forma bastante mais agressiva.

Os iPhones têm menos memória que os topo de gama Android (o iPhone X tinha 3GB de RAM, os mais recentes iPhone 11 Pro têm 4GB de RAM - numa altura em que nos Android temos modelos com 6GB, 8GB, ou até 12GB de RAM!) mas o iOS tem por hábito fazer uma boa gestão dessa memória, capacidade que parece ter perdido com o iOS 13.2.

São muitos os relatos de que o iOS 13.2 está a ser bastante mais agressivo a matar as apps em memória, fazendo com que alternar entre duas apps esteja continuamente a abri-las completamente do zero em vez de saltar para o estado em que estavam. E embora inicialmente a suspeita estivesse relacionada com o facto do Deep Fusion poder usar mais memória, este comportamento está a acontecer até em iPhones sem acesso ao Deep Fusion, e mesmo quando nem sequer se dá uso à câmara (como alternar simplesmente entre o Safari e o Messages, ou outras apps).

Será seguramente um bug que a Apple acabará por corrigir no iOS 13.2.1 ou 13.3... mas deixando desde já a pergunta: qual será o novo bug que a próxima versão do iOS 13 irá trazer?


Actualização (7/11): Já foi corrigido com o iOS 13.2.2.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]