2020/05/03

Empresas aproveitam tele-trabalho para maior controlo dos funcionários


Com a pandemia do Covid-19 a ter obrigado a uma rápida (e forçada) adopção do tele-trabalho para milhões de pessoas em todo o mundo, há também muitas empresas que têm aproveitado a situação para implementarem medidas de maior controlo dos funcionários, que nalguns casos podem ser consideradas verdadeira espionagem ao domicílio.

Perpetuando a velha ilusão do que o que importa é o tempo que se passa ao serviço da empresa em vez dos objectivos atingidos, muitas empresas estão a exigir que os funcionários em tele-trabalho deixem as webcams e microfones ligados todo o dia, para que estejam sempre acessíveis tal como se estivessem no local de trabalho habitual.

A isto somam-se sistemas que vão monitorizando a actividade que vão dando ao computador, exigências de demonstrarem que estão no computador várias vezes por dia, e até chats apresentados como sendo de "socialização" que são de participação obrigatória, independentemente de surgirem num momento em muitos poderiam achar mais produtivo continuarem a trabalhar no que estavam a fazer.

Ainda não está claro de que forma o Covid-19 irá afectar de forma permanente o mercado de trabalho, nem que seja apenas na sensibilização de que de facto há muitos empregos que podem perfeitamente passar a ser feitos de forma remota, com todas as vantagens a isso associadas: a começar pela poupança de horas desperdiçadas em transportes todas as semanas, e respectivos custos (tanto monetários como ambientais). Esperemos que isso seja uma das coisas boas que possa resultar do Covid-19...

2 comentários:

  1. É verdade. Estou em teletrabalho trabalho e tenho horas controladas para tudo! Inclusive até fim de semana é pedido para trabalhar (como uma obrigação, para não ser despedidos) e não estão a pagar esses dias... Como parte dos colegas já foram dispensados, os restantes têm que aceitar essa situação, para que não lhes aconteça o mesmo. 2m que não estejas logado, somos chamados atenção e agora até colocaram o modelo Kaisen para que nós colocamos o nosso valor profissional... Quem não atingir, já se sabe o que se pode esperar....

    ResponderEliminar
  2. Parece me bem denunciar essas situacoes. N estamos na era do vale tudo. Empresa da minha filha tb a tem em teletrabalho (na minha casa) e claro q n demos autorizacao para o uso das camaras. Ela ao logar se comprova q esta a trabalhar. N queiram mais do q a lei permite

    ResponderEliminar

[pub]