2021/03/11

Rússia bloqueia centenas de sites acidentalmente ao tentar bloquear o Twitter

Na ânsia de penalizar o Twitter, a Rússia acabou por bloquear acidentalmente centenas de outros sites, incluindo alguns dos seus próprios sites governamentais.

Recentemente a Rússia decidiu endurecer a luta contra o Twitter, dizendo que o serviço não está a remover tweets que considera serem ilegais (tweets de apoio ao rival de Putin, Alexei Navalny que está novamente na cadeia), e aplicando-lhe uma "limitação de velocidade" (leia-se: bloqueio). Só que essa limitação acabou por se aplicada a muitos mais sites, incluindo vários sites governamentais russos.
Na tentativa de bloquear os links dos twitter, que usam o seu próprio serviço de encurtamento dos links t.co, a Rússia acabou por bloquear o acesso a todos os sites que contivessem "t.co", o que desde logo afectou sites como Microsoft.com, Reddit.com e todos os outros que por qualquer motivo tivessem um t.co.

Um acontecimento bastante oportuno, que poderá servir de exemplo / aviso para aqueles que, cá em Portugal, estão a preparar-se para reforçar as medidas de bloqueio de sites feitas sem passarem pelos tribunais, e que garantidamente irão resultar em efeitos idênticos, com as tentativas de bloquear um site a resultarem em bloqueios inadvertidos de muitos outros sites.

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]