2012/01/27

SPA Falsifica Abaixo Assinado de Autores a Favor da PL118

A polémica proposta de Lei da Cópia Privada (PL118) com que a SPA pretende taxar indiscrimidamente todo e cada Gigabyte continua a dar que falar, e desta vez pelos piores motivos possíveis.

Para tentar mostrar à sociedade que está realmente a fazer aquilo que os autores pretendem, a SPA apresentou um abaixo assinado onde constavam centenas de nomes de autores que dizia apoiarem esta proposta de lei. Ora... tudo estaria bem não fosse o caso de a SPA - tão douta defensora dos direitos de autor - ter feito uma das mais obscenas coisas que poderia fazer: usar o nome de alguns dos seus membros sem o seu consentimento!


O meu caro e muito apreciado António Pinho Vargas (que continua a ser um dos poucos motivos de alento sempre que telefono para a linha de apoio da Zon, e me deixam em espera a ouvir o magnífico Tom Waits) revela publicamente que não faz ideia de como o seu nome terá ido parar a tal lista, e desconfia que não terá sido o único a ver a sua identidade abusada dessa forma.

Não fosse isto um caso bastante sério, seria no mínimo estranho que para uma sociedade com mais de 25 mil membros, parece ter sido assim tão difícil arranjar uma centena deles realmente a favor de uma proposta de lei "exigida" pelos autores... (Sem esquecer que dessa centena, cerca de 20% fazem parte da sua direcção.)


Se isto não serve para demonstrar - sem margem para dúvidas - que esta entidade defensora dos direitos de autor não tem qualquer credibilidade nessa função... não sei que mais será necessário!

(E como se isto não bastasse, agora vamos ter que lidar também com as imposições da ACTA dos EUA.)

36 comentários:

  1. Vamos aguardar para ver quem de facto assinou. Mas estão lá nomes que muito me supreendem, e a ser verdade que tenham assinado, acabaram de perder a minha admiração e qualquer investimento futuro da minha parte, quer na compra de cd's livros etc, quer em espetaculos.

    Muitos dos nomes que aqui estão são os chamados velhos do restelo da SPA, agora ver artistas novos e que deveriam saber enquadrar-se na realidade assinarem este documento... é muito triste.

    Ao que chegamos Portugal....

    ResponderEliminar
  2. Uma vergonha. A propósito. Sou um ENORME fã de António Pinho Vargas.

    ResponderEliminar
  3. Além disso, e apesar dos autores em causa não quererem ser identificados (represálias a nível da indústria?), já se sabe que não existe um "abaixo-assinado" per-si. Foram contactados por telefone a perguntar se podiam pôr o nome deles "numa coisa anti-pirataria".

    ResponderEliminar
  4. meu deus, isto já está a ficar ridiculo de mais....

    ResponderEliminar
  5. Mais uma vez vem confirmar que eles querem aprovar a lei à força bruta para beneficiar sobretudo os que fazem parte da direção não os ditos autores. Um autor digno desse nome não quererá de certeza receber dividendos que se calhar nem lhes pertence e que são recebidos de forma desonesta. Cada vez mais acredito que quem é pirata não somos nós, mas sim eles.

    ResponderEliminar
  6. Como no Facebook eles só permitem comentários aos posts deles... A malta faz like da página e vai lá mandar uns bitaites... Neste momento estão a apagar os comments....ahahah

    ResponderEliminar
  7. Um esclarecimento de APV foi postado à pouco:
    "Para terminar este episódio devo acrescentar que já recebi uma resposta da SPA. Vão retirar o meu nome.
    Segundo me disseram no email o meu nome fazia parte de um abaixo-assinado organizado há um ano por Pedro Osório sobre a questão em geral e presumiram que o podiam utilizar nesta situação actual. Agradeci a retirada e expliquei que a situação não será agora a mesma de há uma ano atrás. Agora, na minha opinião trata-se de uma iniciativa legislativa muito diversa no contexto e alcance do alegado abaixo-assinado de há um ano atrás. Teria de estar completamente dentro dos projectos em questão e não é esse o caso."
    Pode ser lido no post da sua página pessoal (não na página de 'fãs').

    ResponderEliminar
  8. Nesta lógica, poderemos criar um abaixo assinado com 10 milhões de assinaturas, correspondentes a todos os que já fizeram download de conteúdos pela internet ou criaram cópias de conteúdos (cujos direitos compraram) para utilizar noutros dispositivos. Quem não concordar em ter lá o nome, depois que se acuse :)

    ResponderEliminar
  9. seja como for.....

    a falsificação de assinaturas é um crime grave....

    e usar o nome, mesmo que digital de uma pessoa num documento online, continua a ser FALSIFICAÇÃO DE ASSINATURAS! ou nem por isso?!?!?!?!?

    ou é como resolvem tudo por ca....

    da parte deles "foi um erro, um lapso", se fosse da nossa parte imediatamente eramos punidos, julgados, penhorados....

    Fdx....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas isso era se Portugal fosse um país a sério, não uma espécie de reino governado por bestas corruptas, com a ajuda de agentes de Justiça (diga-se, Juízes e Ministério Público) de índole duvidosa ou sem tomates para fazer o trabalho deles.

      Eliminar
  10. Estes gajos é que deviam ser presos e JÁ

    ResponderEliminar
  11. Tenho apenas uma pequena questão: será que a comunicação social vai falar sobre isto ou ficará tudo calado?

    ResponderEliminar
  12. @Teresa Santos: Ora nem mais. Os principais órgãos de comunicação social deviam falar sobre isto.

    @Carlos: Envia esta notícia para a RTP, SIC, Público, DN, etc.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falar disto? Como falam na SOPA/PIPA/ACTA? Isso seria quase como esperar que chovesse dinheiro. A comunicação social "mainstream" não existe para nos informar, mas sim para DESinformar.

      Eliminar
  13. Eu cá nunca irei associar-me a associações/ordens que fazem esquemas desta ordem para qualquer tipo de privilégio.
    Tal e qual as restantes, cria-se uma Associação ou Ordem com o propósito de melhorar a vida dos nossos compatriotas, e um chico esperto atira-se para a direcção e só pensa em esquemas para poder ter uma vida boa.
    Faz-me lembrar nalgumas pessoas que investiram milhares de euros para a agora trabalharem de graça para outros, estágio dizem, para entrar em Ordens. É... esta é que não chega tão longe, mas é melhor também não dar ideias!

    O que podemos fazer? A ser verdade isto é crime...

    ResponderEliminar
  14. Carlos, estás no BoingBoing.net! O Cory já é teu amigo :)

    ResponderEliminar
  15. irei comentar en anonimo porque tenho um estblecimento no fim do mundo e conheço as represalias......é obvio que devo pagar liçença para repruduzir publicamente musica,mas tributaren-nos 5 ou 6 vezes a mesma coisa nem as finanças.....compro um cd pago logo direitos depois pago para reproduzi-.lo e promover o autor ,depois pago a fatura da luz pago audiovisuais,depois pago a fatura da tv cabo logo pago d.aut. depois pago liçença para poder divulgar tv cabo,depois sou imformado que para ouvir os canais de musica da tv tenho que ter liçença ,depois vem a pass musica que passou a cobrar 23 de iva e diz que sou obrigado a ter liçença dessa parte....vejam lá senhores se nao querem mais,e nao falei nos preços aplicados.......qem resiste nem eu nem o nosso presidente....abraço....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. você paga não para ajudar os autores mas porque este país (e o resto do mundo, infelizmente) é controlado por uma cambada de imbecis corruptos. No caso de Portugal ainda é pior: nem sequer são capazes de pensar por si próprios, apenas fazem o que lhes mandam. É só baixar a calcinha e levar com ele.

      Eliminar
  16. A verdade é que a Internet veio expor todo o tipo de arte ao mundo, sabe-se tambem que muitos artistas deve a sua fama a essa ferramenta. Agora a spa, já recebe direitos por todas as vias como o anonimo no dia 27 conta, só falta cobrar a internet, mas a verdade é esta um artista é mais afectado se as suas obras sofrerem sensura ou bloqueio com pagamento do que manter livres de circulação e apenas cobrar que as comercializa. Se a spa paga-se aos autores todas as taxas que recebe desde o pequeno estabelecimento aberto a taxa escondida nas nossas contas de luz etc, nenhum artista estaria passando fome....agora o problema é da internet ou da maneira como é gerida a spa?!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas é exactamente isso. Os artistas\autores não recebem quase nada. E entenda-se que o quase nada, é quando o artista não desiste de valer os seus direitos. O grande problema do Pipa , do Sopa, e da Acta (Que é europeu) não é defender os artistas, mas as produtoras milionárias, as empresas que vivem à custa das "estrelas". Se a Internet for livre, apenas os verdadeiros artistas que tenham valências, são realmente comercializados, acaba-se as super produções, e os parasitas à volta da arte em todas as suas variações. A spa, é outra empresa que vive à custa dos artistas e dos impostos...

      Eliminar
    2. Eu proponho que inundem o email da SPA com insultos dos fortes. Até têm um formulário muito jeitoso na secção de CONTACTOS. Não dá trabalho nenhum.

      Eliminar
  17. Que curiosa esta atitude da spa...
    Os artistas receberem direitos é que é outra história.
    ora:
    1. para poder editar um cd tive que pagar para registar cada uma das músicas.

    2.depois para editar o cd em suporte físico tive que pagar os direitos mecânicos, porque não tenho editora.

    ora, por cada música acho que foi 1,5€.
    pelos direitos de reprodução tive que pagar algo como 500€.
    os cds foram todos vendidos, as músicas passaram (e bem) em diversas rádios. contudo, apenas 3 ou 4 rádios é que contam para a estatítica da atribuição de direitos de autor.

    resultado monetário para mim da spa no ano seguinte:
    400€ que foram basicamente os 500€ menos a percentagem que a Spa tirou para si(yep, os tais direitos mecânicos). e uns míseros 15€ de direitos de autor.
    weeeeeeeellllllll e com tantos concertos pelo meio, para onde terão ido as taxas que as rádios pagam, que o intermarché paga para ter música na sua rádio interna, as taxas que os donos dos locais de concerto pagam, que os donos dos cafés pagam, etc etc etc.
    não foi para mim de certeza...

    e se já há tanta coisa a ser cobrada SUPOSTAMENTE em nome dos artistas e da defesa do seu direito de autor e ainda assim esse dinheiro não chega de facto aos artistas, querem agora convencer-me que se cobrarem ao megabyte eu vou receber?
    será desta?
    bem, pelo menos o principio da SPA cobrar valente (inclusivé aos artistas) está lá.
    Senão vejamos, cada música que gravo, durante o processo de gravação ocupa perto de 1gb/2gb. Um cd com 10 músicas, já se está a ver que vou necessitar de pelo menos 20GB. E mais 20Gb para fazer um backup para o caso de haver algum problema.
    e como 20gb estão dentro do meu pc, os outros 20 num disco para backup. preciso de outros 20gb para poder enviar as músicas para masterizar.
    hum... ora, já ia em quantos? 60gb em que por mega ou giga vou pagar uma taxa que supostamente irá reverter para mim, não é?
    pois, mas o método de distribuição do dinheiro por parte da SPA aos artistas não é particularmente justo.
    provavelmente o Paulo Gonzo (mero exemplo, não tenho nada contra ele, antes pelo contrário) vai receber as tais taxas mais depressa do que eu, por uma questão de peso estatístico.

    e há artistas que assinaram a favor disto?
    quais?
    se foram assinaturas roubadas ao tal outro documento do ano passado como disseram ao APV então é grave. MUITO GRAVE.

    enfim, nada que surpreenda muito...

    ResponderEliminar
  18. Existe ainda o problema seguinte em relaçao aos cafes:
    Sempre pagaste por determinada tabela mas um dia um fiscal qualquer que trabalha á percentagem para um Agente que tambem recebe á percentagem ...acha que o teu cafe passou a ser um Bar ...e entao sem mais nem menos tens que pagar por outra tabela mais cara ...que diz o Fiscal é a de Bar ..e ou pagas como tabela de Bar ..embora exista a Tabela de Musica Essencial ou Nao Essencial ...Senao pagas como a Eles Lhe apetece vao buscar a Policia que apreende a Televisao que esta apassar o meo ou a ZOne qeu já pagaste na respectiva Factura e na da edp (audivisuais).Quando há decencia neste Pais?
    Acho que se deve pagar a utilizaçao de obras aos autores mas com regras mais claras e tabelas decentes.
    Acho que as autoridades e quem de direito tem uma atitude
    a tomar para por fim a esta Roubalheira!...
    Atençao a um acordao do Tribunal da Relaçao de Lisboa do Ano de 2011.
    e os

    ResponderEliminar
  19. Se isto foi para a frente, começa a compensar ir comprar a Espanha ou encomendar de outros paises que... coitados a economia deles está fraca, portanto VIVA a IMPORTAÇÃO !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu e todos...Mas cautela, porque de certo há uma centena de policias disponíveis para caçar tais "instrumentos maléficos e fora da lei" e obrigar os cidadãos a pagar, ainda que venham do exterior. O mais grave, é o facto de condicionarem os artistas, É UM assassinato a sangue frio ao mundo cultural, e dos seu público.

      Eliminar
  20. E as coisas não ficam por aqui.

    O Alexandre Soares do Osso Vaidoso responde que o nome dele também foi metido ao barulho sem permissão ou sem ter assinado nada.

    http://yfrog.com/z/kfgdesxj

    Afinal, isto não foi um caso isolado, Srs. da SPA.

    ResponderEliminar
  21. Isto devia ser capa em todos os Jornais. Não dá para mandar um e-mail às empresas de media para divulgarem esta palhaçada? Afinal de contas estamos a falar de falsificação porque quem condena falsificações. Qual a legitimidade de uma empresa de autores destas? Eu como autor não me revejo neles. CC or Copy Left 4 all

    ResponderEliminar
  22. Confirma-se: Alexandre Soares, dos Osso Vaidoso (e ex Três Tristes Tigres; GNR) comenta na sua página no Facebook que "anda aí uma declaração emitida pela SPA, em defesa da nova lei da Cópia Privada, onde falsamente o meu nome surge como assinante. é completamente abusiva esta utilização. não faço parte desta suposta petição".

    ResponderEliminar
  23. vamos e agr condenações? assinaturas falsificadas é crime!!!! pior que fazer downloads agora ninguém faz nada? FDX merda de justiças pa!

    ResponderEliminar
  24. aqui está o comentário de Alexandre Soares:
    https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=2881413428505&id=1055139676

    ResponderEliminar
  25. Uma vergonha, desde já digo que como criado de Gigabytes the material copyrited e distribuido livremente por Milhões, acho isto uma vergonha, que oe meus ultilizadores tenham de pagar o quer que seja pelo que eu fiz....

    ResponderEliminar
  26. Eu ainda pergunto... Quando é que vai acabar o sofrimento de 2012 para os usuários da internet quando?
    Porra estamos fartos da PIPA/ACTA e agora andam aflitos a pedir esmola a ONU para comandar o Mundo inteiro que é a Internet.
    Sem internet nem vai haver Segurança Social a Trabalhar!

    ResponderEliminar

Related Posts with Thumbnails