2016/05/04

McLaren depende de computadores obsoletos para manter o seu clássico F1


O McLaren F1 é um dos super-carros mais icónicos da história, mas o tempo não perdoa e a McLaren é actualmente forçada a manter carinhosamente alguns computadores obsoletos para poder fazer a sua manutenção.

À medida que os anos vão passando (e cada vez com mais velocidade) é inevitável depararmos-nos com situações em que particulares e empresas vão ficando dependentes de computadores velhos... e nem querendo pensar no que acontecerá se esses computadores avariarem. E é o que se passa com a McLaren a respeito do seu F1.


Para manter o seu F1 a McLaren depende alguns portáteis Compaq com cerca de 20 anos de idade, por serem os únicos a poderem ter instalados uma placa especial utilizada para o programa (em MS-DOS) comunicar com os sistemas do carro. Sem estas relíquias a McLaren não teria forma de fazer o diagnóstico ao veículo... (de forma tão simples.)

Mesmo assim, a McLaren reconhece que isto não poderá durar para sempre, e que está a preparar uma nova placa de interface e respectivo software, que permita comunicar com o carro a partir de computadores mais recentes - não vá dar-se o caso de um destes dias deixarem de poder contar com os velhinhos Compaq e depois terem que explicar aos seus clientes VIP com os seus McLaren F1 de colecção de que já não lhes podem fazer as revisões ou reparações necessárias. :)

6 comentários:

  1. Tendo em conta o dinheiro que estes carros e a marca movimenta acho isto muito confuso.

    ResponderEliminar
  2. Dizem que em equipe ganhadora não se mexe...

    ResponderEliminar
  3. É mais ou menos "normal". Considerando que o vaivém espacial, ainda usava computadores da altura dos monitores a cores (duas, preto e verde) :)

    ResponderEliminar
  4. Ainda ao menos continuam a manter os computadores o ano passado numa deslocação a um concessionário Toyota para tentar encontrar uma avaria intermitente no meu jipe fui informado que a máquina de diagnóstico (obdI) estaria permanentemente avariada e não fizeram o diagnóstico muita sorte vão tendo os proprietários dos maclaren f1...
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  5. Realmente, não dá para acreditar que a McLaren até hoje nunca mandou fazer novo equipamento para garantir a manutenção dos seus veículos, para o caso de equipamento com mais anos avariar... é que eles cobram-se bem pelos seus veículos... e respectivas manutenções... seria de esperar mais pro-actividade/ prevenção da parte deles.

    ResponderEliminar

[pub]