2016/05/01

Windows 95 a correr num Apple Watch


É frequente esquecermos-nos que os dispositivos que actualmente consideramos "fracos" são imensamente mais potentes que os computadores que se utilizavam há umas décadas atrás, e nada o demonstra de melhor forma do que colocar o Windows 95 a correr num Apple Watch.

Bem, neste caso "correr" não será propriamente a descrição mais adequada, uma vez que o simples processo de boot demora cerca de uma hora - não por culpa do hardware em si, mas pelo facto do W95 estar a correr sobre um emulador, que tem um impacto bastante adverso no desempenho.

É que basta relembrar que na década de 90, os computadores que se utilizavam para correr o Windows 95 eram máquinas com CPUs Pentium II a funcionar a uns "alucinantes" 300MHz, e com 256MB de RAM. Para comparação, o Apple Watch tem um SoC Apple S1, que pode chegar aos 520MHz, tem GPU integrado, e 512MB de RAM. Curiosamente, para além de todas as dificuldades referentes a colocar o Windows 95 a correr no Apple Watch, outro dos problemas era evitar que o Apple Watch entrasse em modo de suspensão - coisa que foi conseguida aplicando um motor que continuamente fazia girar o botão rotativo do smartwatch.

A grande pergunta é... daqui por 20 anos teremos smartwatches capazes de emular o Windows 10 na sua versão desktop? A evolução tecnológica faz-nos acreditar que sim, por muito improvável que isso pareça por agora.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]