2016/06/07

George Hotz mostra o seu kit de $1000 que cria carros autónomos


George Hotz, o intrépido hacker que ajudou a crackar a PS3 e fez o unlock aos iPhones, está agora dedicado a criar um kit que permita a qualquer pessoa converter o seu automóvel num automóvel autónomo - e já demonstra versões beta desse kit para mostrar que está perto de conseguir o que anuncia.

Hotz tem estado a criar bastante incómodo entre outras empresas que trabalham nesta área, pois predispôs-se a fazer em cerca de um ano aquilo que muitos têm andado a tentar fazer há décadas; para além de o fazer a custo muito mais reduzido (o seu kit custará menos de $1000) e permitindo que qualquer pessoa o possa adaptar ao seu automóvel actual (desde que tenha volante eléctrico).

Para ajudar, Hotz não se cansa de fazer referência ao seu sistema, que se baseia em inteligência artificial e que aprende com os exemplos de condutores humanos reais, como sendo capaz de fazer uma condução muito mais natural do que os sistemas criados em laboratório por engenheiros que não saem para a rua.

Seja como for, a vontade de vencer é muita, e multiplicam-se as demonstrações usando um kit de desenvolvimento aplicado a carros completamente normais, e que realmente lhes dão capacidade para conduzirem sozinhos, num género de cruise control evoluído, como o que existe no Tesla e outros veículos topo de gama. Mas, por muito inspirador que seja ver o progresso e o estado actual do sistema, há ainda muito por fazer. Bastará referir que por agora o sistema não reconhece sinais de limitação de velocidade, nem tão pouco sinais de STOP ou semáforos - coisas que George Hotz parece considerar "ridículas".

... Bem... certamente que quem se arriscasse a ficar sem carta ou ter um acidente grave à custa disso, iria discordar.


6 comentários:

  1. De um certo modo, ele tem razão... A partir do momento em que TODOS os carros passarem a ser autónonos, a sinalização deixa de fazer sentido, pois serão os carros a controlar a velocidade e prioridades, até talvez comunicarem uns com os outros de modo a poderem apenas abrandar a velocidade para que quando cheguem a um cruzamento não precisarem de parar... mas até lá, ainda vão uns anitos e entretanto a sinalização é importante e estes pioneiros têm de a respeitar...

    ResponderEliminar
  2. Este gajo é um grande maluco, mas o seu corriculo é notável!

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. Pois, mas falta um variável na equação, aqui o standard é caixa manual :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Decididamente será um produto virado para o mercado americano.

      Eliminar
  5. Repararam que o software corre em Ubuntu?!

    ResponderEliminar

[pub]