2016/07/21

Funai abandona a produção de VCRs VHS

O último fabricante japonês que ainda produzia leitores e gravadores de VHS dá finalmente por terminada a era das cassetes, anunciando o fim da produção destes equipamentos.

A maior parte dos fabricantes há muito que abandonou a produção dos videogravadores VHS, mas a Funai continuava a fazê-lo... até agora. Devido ao volume reduzido das vendas e à dificuldade em obter os componentes necessários, a Funai anuncia que também irá deixar de produzir videogravadores.

Para quem se queixa de volume reduzido importará referir que, ainda assim, ainda estava a vender 750 mil VCRs por ano, o que dá uma média superior a 2000 por dia - e que demonstra que ainda há uma legião de utilizadores nostálgicos que, por opção ou obrigação, ainda continuam a dar uso às cassetes VHS. Aliás, há quem refira que as cassetes VHS terão comportamento idêntico ao ressurgimento dos discos de vinil, havendo algumas cassetes consideradas raras que chegam a atingir preços de milhares de euros entre os coleccionadores.

Embora guarde muitas memórias nostálgicas dos tempos em que as cassetes VHS faziam parte do nosso dia a dia (assim como os rebobinadores das mesmas), confesso que não tenha grandes saudades de tudo aquilo que a elas vinha associado: a começar pela qualidade de imagem, as fitas partidas ou enroladas no gravador, ou ainda aqueles casos em que uma cassete deixada dentro de um carro ao sol se arriscava a ficar derretida...


É melhor mantermos as (boas) recordações daqueles tempos, mas hoje em dia centrarmos-nos em aproveitar os filmes e séries em resolução 4K e HDR, e deixarmos o VHS desaparecer pacificamente da nossa vida. :)

5 comentários:

  1. Héhé, tive um video igual ao da foto. Não é um Funai, mas sim um Sony.
    Saudades dos tempos de andar para a frente e para trás à procura do video-clipe daquela música que está na cassete após a gravação do Top+! :)

    ResponderEliminar
  2. Ainda tenho 3 +- operacionais (filmei casórios e batizados nos anos 80/90/00).
    Utilizei-os, pela última vez, há uns 3 anos para converter umas cassetes com filmagens caseiras para mp4.
    As cassetes, desfiz umas 200 e tal (privacidade) e reciclagem com elas..., só fiquei com a nº1, que tem a 1ª gravação de TV que fiz: RAMBO 1, RTP, 1986 ;)

    ResponderEliminar
  3. Tenho dois "arrecadados" e estão julgo perfeitamente funcionais.

    Gostava de ver este últimos modelos da Funai, o comando parece ter um visor!!!

    No entanto estava longe de imaginar que em 2016 ainda produziam VCRs.

    ResponderEliminar
  4. Respostas
    1. Sim, o da figura é um Sony (embora a Funai fabricasse vídeos para a Sanyo, se não estou em erro). Aquilo no telecomando é uma tampa que tapava os botões com as funções avançadas... aquelas para as quais era preciso um curso da NASA para decifrar! ;)

      Eliminar

[pub]