2016/11/28

Compras via mobile aumentaram 33% nesta Black Friday


A Black Friday tem sido um fenómeno crescente que conjuga múltiplos factores para se tornar numa "tempestade perfeita" para os consumidores, com a promessa de descontos especiais e a proximidade da época natalícia a causarem um verdadeiro frenesim de compras - e onde as compras feitas a partir dos dispositivos móveis vão crescendo a um ritmo ainda maior.


Nos EUA as estimativas apontam para que nesta esta Black Friday se tenham atingido vendas no valor de 3.34 mil milhões de dólares, o que representa um aumento de 21.6% face ao ano anterior. Mas ainda mais marcante será o facto dos dispositivos móveis terem sido responsáveis por uma fatia de 1.2 mil milhões de dólares nas vendas - um aumento de 33% face ao ano anterior, e que marca também o primeiro dia em que se terá superado os mil milhões de dólares de vendas com origem nos dispositivos móveis.

Parece que "ainda ontem" havia quem duvidasse da capacidade da internet em servir como ponto de venda para as lojas (muitas vezes ouvi eu que "não vai haver ninguém a usar a internet para comprar coisas!") e certamente que muitos terão pensado coisas idênticas quanto a usar os smartphones para fazer compras (pois "não seria tão prático quanto utilizar um computador".) Assim, parece ficar demonstrado que na verdade as pessoas não têm problemas em usar os seus smartphones para fazerem compras; e que nalguns casos isso até pode ser mais prático de fazer no smartphone do que usando um computador tradicional - assumindo que se tem uma app bem feito e um processo de pagamentos bem integrado.

Caso ainda haja quem não considere importante a sua presença na internet e a disponibilização de formas fáceis de realizar as compras tanto usando um computador de secretária como um smartphone, fica aqui a constatação de que deveria rapidamente mudar de ideias.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]