2017/02/13

Mind Vector - um "semáforo" para o escritório feito em Portugal


No outro dia falámos do Luxafor, um projecto que quer adicionar semáforos aos computadores para mostrar se estamos ocupados ou disponíveis, mas também temos um projecto nacional que pretende cumprir o mesmo objectivo e com ainda mais funcionalidades: o Mind Vector.

O Mind Vector foi criado pelo Daniel Santos, formado em engenharia de Electrónica Telecomunicações e Computadores no ISEL, e que nos últimos anos tem vindo a desenvolver e melhorar este dispositivo que visa acabar com as frequentes interrupções num espaço de trabalho que podem destruir por completo a produtividade de alguém que se queira concentrar naquilo que deseja fazer.

Dito isto, não ficam esquecidas as questões de ordem prática com que nos podemos deparar no dia a dia, como a possibilidade de haver alguma interrupção urgente que se possa sobrepor ao nosso desejo de não ser incomodado; e para além do sistema indicar o tempo restante para que o utilizador fique livre, existe também a possibilidade de se ver um panorama global de todos os colaboradores e da sua disponibilidade em tempo real. O sistema também permite marcar o estado como ocupado em diversos programas (como o Skype) assim que carrega no botão, e as suas potencialidades podem ser expandidas infinitamente recorrendo-se à sua API.

Neste momento o Daniel está em contacto com diversas empresas no sentido de dar mais visibilidade ao Mind Vector, pelo que se estiverem interessados, nada como entrarem em contacto com ele.

3 comentários:

  1. Giro, mas há interrupções que nem dão tempo para carregar no botão quanto mais estar a justificar a que se deve a interrupção.

    ResponderEliminar
  2. Há sempre tempo para carregar num botão.
    Depois de experimentar a vantagem desta função, para justificar algum desvio no tempo para terminar uma tarefa, o pressionar do botão e a introdução de um texto curto vai parecer muito simples e benéfico.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Discordo. Tinha um aplicativo simples para isto (sem botão, claro), bastava clicar num ícone que estava sempre visível e introduzia o texto de alguma situação que tivesse ocorrido. Por trás, era guardada a data e hora. Não durou uma semana, há ambientes complicados, ou estás com uma chamada e uma assistência remota, ou tens alguém ao lado a perguntar qualquer coisa enquanto dás assistência, ou estás a olhar para código e qualquer mosca a passar faz confusão e perder o raciocínio, etc.

      Eliminar

[pub]