2017/04/13

Burger King lança anúncio com "Ok Google" para activar Google Assistant


A activação do assistente da Google utilizando o popular "Ok Google" já tem dado origem a alguns casos curiosos, mas agora foi a Burger King que tentou deliberadamente aproveitar-se do sistema num dos seus spots publicitários... e tendo resposta quase imediata da Google.

Já se imaginava que os casos de activação acidental dos assistentes via comandos de voz viriam dar lugar a alguns abusos, mas não se esperaria que fosse uma empresa como a Burger King a fazê-lo. No seu mais recente spot publicitário, a empresa teve a ideia de incluir uma pessoa a dizer "OK Google, what is the Whopper burger?" com o intuito de activar o Google Assistant e automaticamente fazer com que o Google Home ou smartphone dessem informação adicional sobre o mesmo.

Mas o resultado rapidamente assumiu proporções que a Burger King não imaginaria. O resultado desta pesquisa no assistente do Google remetia para a lista de ingredientes encontrada na Wikipedia, e não demorou para que algumas pessoas editassem a página para incluir alguns elementos "criativos" lá pelo meio, como unhas dos pés e cianeto.

A própria Google também não achou piada, e desactivou remotamente a frase de activação usada neste spot publicitário - sendo que a mesma poderia continuar a ser feita se fosse perguntada pelo utilizador (imagino que o caso será diferente para o actor que gravou o spot publicitário.)

De referir que este tipo de ataque será bem menos funcional nos smartphones do que no Google Home, pois nos smartphones o Android tem acesso à funcionalidade Trusted Voice que treina o equipamento para reconhecer a voz do seu utilizador principal (se este se der ao trabalho de repetir o "Ok Google" algumas vezes). A Google também tem prometido o suporte multi-utilizador para o Google Home, que eventualmente poderá passar também pela identificação de diferentes tipos de voz, potencialmente minimizando o risco de activação por alguém desconhecido.

Seja como for, é de imaginar que este não vá ser caso único, e que outros venham a tentar injectar a activação dos assistentes digitais em anúncios publicitários. Mesmo que isso venha a ter conotações negativas, como se costuma dizer "toda a publicidade é boa publicidade"... e a demonstrá-lo está o facto deste incidente com a Burker King estar a ser falado um pouco por todo o lado.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]