2017/08/17

iOS 11 virá com navegação em Realidade Aumentada?


Chegar até ao destino é algo que será ainda mais simples com a chegada do iOS 11, pois o sistema de navegação do Apple Maps deverá tirar partido do ARKit para apresentar as informações directamente sobre o mundo real.

Temos visto inúmeras demonstrações sobre o que se pode fazer com o ARKit, mas para que esta tecnologia seja mais que uma mera curiosidade será necessário fazer algo útil de forma mais bem conseguida do que se já tem actualmente - e daí que a navegação usando realidade aumentada, a pé, e até em interior de edifícios, seja um dos potenciais trunfos que a Apple está a preparar para o iOS 11.

As referências a tal foram encontradas nas versões beta do iOS 11, e apenas vêm confirmar aquilo que muitos já suspeitariam. Fazer este tipo de navegação em realidade aumentada é algo que já muitos têm tentado fazer (há muito) mas, como é tradição da Apple, a mesma limitou-se a esperar pelo momento certo para fazer a sua entrada nesta área, com a tecnologia refinada e de forma bastante mais prática. Por exemplo, era habitual que as apps de realidade aumentada necessitassem de um marcador para que o smartphone pudesse reconhecer a posição e orientação do objecto digital a inserir - coisa que com o ARKit se torna desnecessária.

A Google bem que tentou a sua sorte apostando no Tango, capaz de fazer isto e mais, mas que recorre a hardware especializado - o que o deixa apenas ao alcance de alguns poucos que decidam investir nos poucos equipamentos disponíveis (algo que poderá mudar no próximo ano). A Apple, apostou em fazê-lo via software, o que permitirá disponibilizar esta tecnologia a centenas de milhões de utilizadores sem necessidade de fazerem qualquer investimento extra (para além do que fizeram ao comprar um iPhone).

Com o iOS 11, preparem-se para que o pedido de uma rota até qualquer local possa ser apresentado assim:

1 comentário:

  1. Pelos vistos a Apple com iPhone + software (ARKit) está em vantagem em realidade aumentada em relação a:
    - Microsoft: óculos HoloLens
    - Google: smartphones com hardware especial (capacidade de processamento, câmaras e sensores) + software (Tango).
    Agora, com o ARKit as realidades virtuais vão, potencialmente, muito para além de rotas. Falta ver na prática.
    https://techcrunch.com/gallery/these-13-gifs-show-apple-arkits-massive-potential/slide/1/

    ResponderEliminar

[pub]