2017/09/19

A11 Bionic do iPhone X e 8 confirma resultados no Geekbench


Os primeiros resultados não oficiais dos novos iPhone 8 e iPhone X no Geekbench levantaram muitas dúvidas sobre se seriam reais; e agora aí estão os resultados oficiais, que até os superam ligeiramente.

Quando surgiram no Geekbench resultados que praticamente duplicavam as prestações dos topo de gama Android concorrentes e até de um MacBook Pro, surgiram dúvidas sobre se seriam mesmo reais. Agora não há lugar para dúvidas, com os resultados do iPhone 8 a superarem até os valores obtidos anteriormente (4061 no teste single core e 9959 em multicore) com 4189 e 9983 respectivamente.


Curiosamente, se no caso do iPhone 8 e 8 Plus estes valores se mantêm bastante próximos, mesmo tendo em conta a diferença de resolução (1334x750 e 1920x1080); para o novo iPhone X a resolução acrescida de 2436x1125 já se faz sentir mais um pouco, com os resultados no Geekbench a ficarem-se pelos 4017 e 9286.

Mesmo com o Geekbench a ser acusado de ser um benchmark mais amigo da plataforma iOS que Android, no mínimo serve como um bom indicador da evolução do desempenho dos iPhones ao longo dos últimos anos, com um, aumento de quase 100% face ao CPU A9 do iPhone SE / iPhone 6S de há dois anos (e mais de 100% no processamento multicore).

8 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Quanto a mim, acho que não tem nada a ver com a resolução o valor mais baixo do iPhone X, pois esse valor vai subir assim que forem submetidos mais resultados do iPhone X e vai-se aproximar muito mais dos valores do iPhone 8. O geenkbench mostra a média dos resultados submetidos. E enquanto escrevia isto, fui consultar os resultados do Geenkbench (pois acho que as médias são actualizados todos os dias) e já podes ver o iPhone X com 4204 em single core e 9955 em multicore como eu previa.

    ResponderEliminar
  3. se tem mais cores o processamento multicore pode facilmente ter crescimentos de 100% :-p

    Queria ver benchmarks a sério sem serem sintéticos assim. Senão porque os macbook não têm um A11? - ah pois, porque iam ser lentissimos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Benchmarks há sempre para todos os gostos, e devem ser sempre vistos com a devida perspectiva.

      Ainda assim, não deixa de ser notório ver que um CPU "de portátil" não consegue ser mais rápido que um CPU "de smartphone" nestas condições...

      Eliminar
    2. Obrigada pela resposta.

      Ou eu sou muito lerda ou não consigo sequer entender onde é que jamais um chip ARM consegue bater um i5.

      - É mais pequeno
      - Tem maiores limitações termicas
      - Tem clock mais baixo
      - Gasta extremamente menos energia

      Fisicamente simplesmente não é possivel ou estariamos perto do maior evolução performance por watt de toda a história da informática.

      É que parece de outro universo isto sequer fazer sentido. Pena que não haja mais nenhum benchmark a contrapor, porque sentido não faz...

      Eliminar
    3. As coisas não são assim... senão ainda nenhum CPU teria passado as "torradeiras" dos Pentium 4. :)

      Um CPU mais pequeno e menos gastador pode superar um mais maior e mais gastador, é tudo uma questão de eficiência. Por algum motivos tens chips ASIC (Application-specific integrated circuit) ou FPGA (programáveis) que por uma fracção da energia de um CPU genérico conseguem ter muito mais potência para tarefas específicas.

      Por exemplo, ainda recentemente falamos do chip da Movidius, que atinge 100GFLOPS com um consumo ridiculamente reduzido (um CPU genérico para chegar a esse valor teria que ser um Core i5 quad-core).

      Outro exemplo são os ASICs e FPGA para minerar bitcoin e outras moedas... também muito mais eficientes que os GPUs e CPUs... Enfim... não faltam exemplos de como é possível ter "mais" por "menos". :)

      Eliminar
  4. sendo um processador de telemovel tao diferente de um processador de pc os benchmarks nao deveriam ser diferentes.

    ResponderEliminar
  5. O carro da formula 1 tem um motor de 1,6 litros e uns 900cv e anda mais que muitos carros com motores de 5 ou 6 litros

    ResponderEliminar

[pub]