2017/09/01

Garmin apresenta Vivoactive 3, Vivomove HR, e Vivosport

A Garmin há muito que tem aposta no segmento dos wearables, e não será novidade que tenha aproveitado a IFA 2017 para nos dar a conhecer as suas mais recentes ofertas das famílias Vivoactive, Vivomove e Vivosport.

O Vivoactive 3 aposta no formato de um smartwatch com ecrã circular Chroma "always-on" e promessa de autonomia ara uma semana, que se reduz para 13 horas caso se active o tracking com GPS; e claro que não falta um sensor de frequência cardíaca com capacidade para avaliar inúmeros parâmetros como o VO2 max. Integra também o novo sistema de pagamento Garmin Pay que permitirá utilizar o relógio para comprar coisas (nos locais em que for aceite, e para quem tiver cartões de crédito/débito "compatíveis"). Nos EUA fica disponível por $300.




O Vivomove HR é a aposta para quem procurar um relógio de estilo mais clássico, que dispensa o GPS mas mantém o sensor de frequência cardíaca, e que também esconde um truque na manga. Por trás do seu aspecto de relógio clássico com ponteiros temos um pequeno touchscreen que lhe permite apresentar informação, com os ponteiros a saírem da frente sempre que necessário. Em modo smartwatch tem autonomia para 5 dias, quem o usar apenas como relógio poderá recarregá-lo apenas de 15 em 15 dias. O preço começa nos $200 mas pode chegar aos $300 em função da bracelete.




E por fim, temos também o Vivosport, uma bracelete de tracking de actividade com GPS que ganha um touchscreen com ecrã always-on a cores, e ficará disponível por $200.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]