2017/11/23

OnePlus 5T sem heat pipes para dissipação


Contrariamente ao que se poderia esperar para um topo de gama que até recorre ao overclocking, para o 5T a OnePlus não recorreu a um sistema de heatpipes para ajudar a manter a temperatura do CPU sob controlo.

Actualmente, é habitual ver nos topos de gama um sistema de permutadores de calor para ajudar a remover o calor gerado pelo CPU e GPU do smartphone, transportando-o para áreas onde possa ser dissipado com mais eficiência. No entanto, num teardown feito ao OnePlus 5T comprova-se que este modelo não recorre a este heatpipes.

Felizmente, nos testes preliminares não foi detectada nenhuma tendência acrescida para desacelerar o SoC quando se realizam tarefas mais exigentes; isto quando comparando com outros smartphones que usam o mesmo processador e que estão equipados com este sistema. Mas embora o OnePlus 5T não esteja a comprometer o desempenho, resta saber até que ponto as temperaturas mais elevadas a que estará sujeito não poderão dar origem a uma degradação acelerada dos componentes a médio/longo prazo.

É sem duvida um ponto interessante, que merece ser acompanhado - basta lembrar o que aconteceu com as memórias do Nexus 7 original, para terem uma ideia do que poderá a acontecer no futuro - infelizmente, é algo que, a acontecer, poderá só se fazer notar daqui por um ou dois anos...

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]