2009/06/01

Update Microsoft instala Plugin no Firefox

É incompreensível...

Como é que uma empresa como a Microsoft, que já passou pelas coisas que passou sempre que tenta "impingir" algo às escondidas aos seus clientes, continua a fazer uma coisa destas?

Uma recente actualização de segurança para o Microsoft .Net Framework instala - sem qualquer informação ao utilizador - um plugin no Firefox (um browser "da concorrência" - e no qual a MS não deveria tocar sequer.)

Este plugin tem a particularidade de tornar o FF menos seguro, ao permitir que um website execute código directamente no computador do visitante.

Mais ainda - este plugin tem o botão de desinstalar desactivado! Obrigando a que os utilizadores recorram a métodos bem mais complexos para se livrarem deste..."malware".

Como disse inicialmente... incompreensível... e inadmissível!

[Uninstall plugin instructions]



Actualização:

A Microsoft já reparou na cagada que fez, e já lançou um update para permitir fazer a desinstalação do plugin.
Para tornar a situação ainda mais caricata... é pedido aos utilizadores que tenham desactivado o plugin, que o reactivem novamente, para que a opção de desinstalação possa funcionar.

Sugestão: para a próxima vez, que tal uma simples pergunta ou checkbox sim/não aos utilizadores?

10 comentários:

  1. Será para sabotar o FF ao torná-lo tão inseguro como o IE???

    Querem ver isso a ser classificado de malware num instante? Instala sem permissão, afecta a segurança e não permite desinstalar... lindo!

    ResponderEliminar
  2. E como se faz para desinstalar?

    ResponderEliminar
  3. Ifspaulo,
    Parece q dá para remover a entrada respectiva no Registry do Windows, mas não investiguei mt o assunto. Pode-se simplesmente desactivar (disable) o plugin com o botão próprio.

    E já agora, parece q a culpa de não se poder desinstalar é do Firefox. Ele não consegue desinstalar os plugins q não são instalados directamente atráves dele.

    ResponderEliminar
  4. A "culpa" não é do FF... a culpa é da MS por o ter instalado sem sequer ter perguntado ao utilizador.

    E editei o artigo com um link sobre como remover o "virus". :)

    ResponderEliminar
  5. Não deixa de ser preocupante que o Firefox deixe q plugins sejam instalados por programas externos, sem sequer informar o utilizador ou perguntar da próxima vez que for executado se o deseja manter, e que não apresente um mecanismo para os remover.

    Provavelmente nunca tinha havido um abuso do sistema, pelo menos a esta escala.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo1/6/09 21:53

    O link "Uninstall plugin instrutions" está um pouco sumido. Fazendo a actualização para o .NET Framework 3.5 SP1 o plugin passa a ter a opção uninstall.
    Tenho já a opção ... mas ainda não encontrei motivo suficiente para a usar

    ResponderEliminar
  7. A Microsoft já lançou um "fix" aqui (ler bem o "Overview", especialmente a parte final, lol...).

    ResponderEliminar
  8. @Paulo
    Obrigado pelo link...
    realmente aquela parte final... não podia ser mais cómica! :)

    ResponderEliminar
  9. Não lhes bastou o milhão de euros de multa por práticas anti-concorrenciais, e agora saem-se com esta. Boa!

    ResponderEliminar
  10. Eu instalei o Vista a pouco e até já tinha visto o plugin mas achei que fosse algo como os plugins que vem instalados no firefox do Ubuntu. É estranho pensar que o Sistema Operativo o principal software da máquina tente deixar o sistema vulnerável propositalmente. Qualquer multa para esses malandros é pouca.

    ResponderEliminar

[pub]