2011/04/27

O Limite Secreto do Ilimitado da ZON


Há muito que andava para voltar a falar deste assunto, dos tráfegos "ilimitados" que nos vendem - mas que depois estão sujeitos a "PUAs" (Políticas de Utilização Aceitável) - e que no caso da Zon, pecam por serem algo que, incrivelmente, parece ser apenas do conhecimento dos Deuses e fora do alcance de quem usa (e paga!) os seus serviços.

[Actualização: graças a esta polémica e às reclamações daí resultantes, a ZON removeu a PUA dos serviços ilimitados!]


Despoletado por uma recente discussão no nosso grupo, por um membro que viu a sua ZON Fibra reduzida a uns ridículos 50Kb/s, eis que me parece apropriado reatar esta questão.


1) Para começar, qual a legalidade da venda de uma mentira?

A Zon anuncia vender internet ilimitada; ou seja: sem limites. Por isso mesmo, qual o propósito de depois dizer, em letras pequenas ou escondidas num qualquer "asterisco", que esse mesmo ilimitado está afinal sujeito a um qualquer tipo de regras que vai limitar esse acesso?


2) Como se pode cumprir uma regra que não se conhece?

Mais caricato ainda, é o facto dessa tal PUA que limita o "ilimitado" não ser do conhecimento público, nem mesmo quando o utilizador - no seu direito - contacta a empresa para que fique a saber quais as condições do acesso que está a pagar. A empresa escuda-se sempre, dizendo que varia conforme as condições da rede, etc. etc... Mas isso de nada serve a alguém que está a pagar um serviço ilimitado.


Pois bem, eis que o limite secreto a partir da qual a ZON vos fecha as torneiras está descoberto, graças aos relatos de algumas pessoas que me têm contactado: se são clientes ZON e não querem arriscar-se a ficar sem internet, o melhor é não ultrapassarem os 500GB de tráfego por mês.


Relembro que o que está em causa não é discutir se 500GB é muito, ou pouco, ou apropriado, ou não. O que está em causa é uma empresa dizer que vende um serviço ilimitado, que na realidade tem limite.
Se para muitas pessoas 500GB será um valor "astronómico", para outras poderá não o ser - e considerando-se que o streaming de conteúdos HD é cada vez mais frequente (quer em download, quer em upload, para quem quiser partilhar os vídeos caseiros com a família), olhem que os "gigas" rapidamente vão passando.



Vejamos o caso de um ligação "Zon Fibra" de 30 Megabits.
Se por acaso usassem continuamente aquilo pelo qual estão a pagar, isso traduzir-se-ia em:

30 Megabits/seg x 24h x 30 dias

Ou seja, aproximadamente:  9500GB mensais - mas dos quais poderão usufruir apenas de 500GB.

Em menos de dois dias teriam ultrapassado o limite "secreto" dos 500GB que vos é imposto sem que disse sejam informados.

Sim, é certo que este tipo de serviço se baseia numa média de utilização, e que seria incapaz de fornecer tal largura de banda continuamente a todos os clientes ao mesmo tempo. Mas, na realidade é isso que estão a dizer vender!
Ora imaginem se o mesmo se aplicasse a outros serviços, como a TV, e se muitos clientes estivessem a ver a SportTV vocês não a poderiam ver, mesmo quando estão a pagar para isso?


O mais absurdo é que mesmo que se chegasse ao ponto de uma situação "abusiva" (segundo os tais critérios que permancem no segredo dos Deuses) segundo o próprio contrato da ZON a empresa seria obrigada a comunicar atempadamanete ao cliente de que a ligação iria ser limitada - coisa que não tem acontecido. Os clientes simplesmente são atirados para a idade da pedra (leia-se: modems), com velocidades na ordem dos 50Kbits/s e sem qualquer explicação.
Nem sequer vos dizem quando/se a vossa ligação será reposta - o que habitualmente acontecerá apenas no final do mês, quando puserem o "contador" a zero.

Nalguns casos, mesmo após semanas de telefonemas, o serviço da ZON não informa o cliente de qual a causa do abrandamento - chegando até a sugerir o agendamento de uma visita de um técnico para verificar se não será problema do equipamento! Surreal!


Todos Iguais Todos Diferentes?

Há também ainda quem coloque a possibilidade deste limite dos 500GB não ser igual para todos os clientes, e ser dependente do tráfego habitual que se faz. Ora, se isto é assim, torna-se ainda mais ridículo: pois um cliente que habitualmente use apenas 1GB de internet, poderá ser "limitado" caso ultrapasse o seu limite personalizado de "10GB" (hipoteticamente); enquanto um seu vizinho mais gastador possa continuar a usar os seus "500GB" habituais sem problemas.


É por tudo isto que se exige que os operadores sejam claros naquilo que fornecem. É completamente enganador e falso que continuem a apregoar a venda de um acesso ilimitado, quando depois se tem que lidar com situações destas.
Se são 500GB, que coloquem isso de forma bem visível nos seus tarifários; ou então que criem tarifários apropriados para todo o tipo de utilizadores... Esconderem-se atrás de cláusulas de PUA que nada dizem, isso é que não.


Actualização: a nossa batalha parece ter tido um desfecho favorável para os consumidores: a Zon anunciou ao fim da PUA nos planos com dados ilimitados!

29 comentários:

  1. A culpa disso tudo é dos clientes.

    Pois são mal servidos e nada fazem.
    Façam queixas nos locais próprios e não deixem "esquecer" a queixa.
    Processem o operador. Juntem-se, organizem-se.
    Criem um movimento civil e acabem com essa palhaçada.
    Enquanto nada fizerem nada se altera.
    Se calhar era aproveitar o grupo que tem discutido o assunto e avançarem com uma queixa.
    Não sou cliente desse xulos mas no que poder e souber ajudar podem contar comigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Processar custa dinheiro... e muito! É provavelmente por isso que estas empresas arriscam o pescoço. Os honorários de um advogado que se vencer ainda tens de pagar uma taxa de sucesso não menos que 2000€. Penso que não é qualquer português que o pode fazer. Embora denunciar seja extremamente necessário e habitual ! Devemos também deixar de enriquecer essas mesmas empresas que tentam mudar de imagem com novos nomes como por exemplo a ex-tvcabo. Cada vez mais devemos ser consumidores conscientes das consequencias das nossas escolhas. Infelizmente no nosso país é bem mais seguro escolher uma multinacional...vodafone por exemplo. Depois queixa-se tudo que não há dinheiro em Portugal, claro não havendo empresas de confiança....é o português que arruina Portugal e mais ninguém.

      Eliminar
  2. É ver o que aconteceu no caso Jonas/Ensitel... fizeram tanto barulho que a empresa foi "obrigada" a rever a situação.

    Pode ser que com a divulgação que o Carlos tem feito, este assunto ganhe alguma força.

    ResponderEliminar
  3. Bem "dizido"... É exactamente esse o meu ponto de vista, se bem que ainda poderia acrescentar mais umas coisas... Mas não temos tempo ;)...

    ResponderEliminar
  4. eu para ja, na Vodafone ADSL nunca tive problemas

    ResponderEliminar
  5. Engraçado...eles utilizam uma política para que tudo funcione entre a capacidade que eles têm disponível. Desculpem mas eu não sou contra esse limite ou da forma que eles ocultam! Penso que eles dão avisos antes de cortar qualquer ligação, por isso não percebo estas questões de alarme. Já se sabe que em todo o mundo as conexões de internet não são as "melhores"

    ResponderEliminar
  6. Eu sou cliente Zon, mas como não sou power user, nunca tive problemas deste tipo. Mas subscrevo qualquer reivindicação feita no sentido de eliminar estes PUAs que os pariu! É algo completamente abominável, e um engano contínuo ao consumidor!

    ResponderEliminar
  7. isto sao problemas que acontecem principalmente nos serviços sob linhas coaxiais...

    ja no adsl e fibra tal nao acontece...as velocidades contratadas sao sempre constantes e nao temos ilimitados limitados.

    ps. quando digo fibra é mesmo fibra, nao é daquela fibra da zon em que temos um coaxial a entrar dentro de casa



    na minha esperiencia como cliente posso afirmar que ja tive a zon e garanto que pelo menos na madeira somos limitados muito antes de atingir os 500GB falamos aqui, ja o serviço adsl da meo/pt que possuo agora oferece a velocidade contratada com a mesma qualidade do inicio até o final do mes

    ResponderEliminar
  8. No Brasil é igual ou pior e na maioria das vezes não se tem outra opção de operadora, pois normalmente onde uma esta a outra não está :(

    ResponderEliminar
  9. Uma ideia muito simples para "fazer barulho" sobre este assunto é no Facebook.

    Será exponencial...

    ResponderEliminar
  10. @neliojesus é num serviço Fibra 30.

    @Anónimo o aviso não foi cumprido. Mas pior é não saber quando estamos perto de um "aviso"

    ResponderEliminar
  11. Eu já me deparei com esta situação à uns anos atrás com a vodafone adsl. Chegou-me a casa uma factura de quase 200€. Obviamente fiz barulho (liguei para o apoio ao cliente): disseram-me que tinha ultrapassado esse tal PUA e assim teria de pagar o "excesso", mas como não fui avisado quando estava na iminência de ultrapassar o PUA, não iriam cobrar o "excesso", ou seja, paguei apenas os normais 20€.
    Eu mal tive de falar, eles quase resolveram o problema por mim, o que me deu a impressão que é um problema recorrente.

    Apenas quando surgiu esta situação é que me disseram explicitamente que o limite da PUA na vodafone adsl são 500GB mensais.

    Isto é simples: quem não chora não mama.

    ResponderEliminar
  12. Olá a todos, bem isto acontece à muito e em todo o lado, empresa x ou y, por cobre, fibra óptica ou móvel, estes assuntos são discutidos em vários forums por pessoas conhecedoras do assunto dos contratos e artimanhas das operadoras, criar grupos virtuais em protesto em redes sociais... enfim não me parece o mais eficaz, que tal começar a encher os livrinhos vermelhos, afinal já vi pessoas a escrever neles por coisa 1000 vezes inferiores?! Anacom cnpd afp fevip entre outras pararam no tempo assim como quase tudo em Portugal mas não só, a EU só agora estará preocupada com o assunto e parece que até ao final do ano será elaborado um relatório sobre as ligações e contractos dos fornecedores de internet e se as coisas não estiverem bem as regras irão mudar, é «esperar» para ver. Mais um exemplo, nos tarifários kanguru «ilimitados» a torneira é fechada para 128kbps após os 15GB num mês! Boa noite.

    ResponderEliminar
  13. Lol, vejo tantos aqui surpreendidos como se isto fosse novidade... aos anos q isto é conhecido!!!
    Ja prai desde 2003/2004 que isto acontece e por essa razão q desisti deles mal apareceu o Meo.
    Sem vontade nenhuma de andar a "gritar" pra Zon, mudei de operador devido ao TS (traffic shapping) q andavam a exercer na minha ligação...

    ResponderEliminar
  14. o problem é que nao há avisos! nao há informacao, nao há nada alem da penalisacao do cliente pagante:

    http://www.eusoucliente.com/complaint.php?cod=1432

    ResponderEliminar
  15. @kincas,
    Quando dizes que não és cliente desses chulos, estás a falar da Zon? É que todos são chulos...
    Creio que a grande maioria dos usuários não ultrapassa esse tal limite de 500 GB, mas concordo inteiramente com essa batalha do Carlos contra a propaganda enganosa dos operadores de telecomunicações. Aqui no interior a Cabovisão oferece um serviço decente, com velocidade próxima e às vezes superior ao contratado.
    PS: sugiro ao Carlos uma atenção maior ao comentários racistas de alguns colegas de comentário, claramente desnecessários. Se calhar uma moderação mais rígida coíba esses abusos

    ResponderEliminar
  16. temos o mesmo problema só que neste caso se trata das chamadas ilimitadas gratuitas,sem aviso,com facturas detalhadas que declaravam 0,00 euro recebemos uma previsão feitas pelos mago zon do valor de quas 3.000 euro!!mas vão ovir isso não acaba aqui

    ResponderEliminar
  17. @Alessandro Galvão, pelo que sei a TVTel, outro operador de qualidade, foi engolido pela zon e, logo a seguir, os clientes foram "obrigados" a ficar com um serviço muito inferior. infelizmente as empresas que apostam na qualidade acabam por ser engolidas por estas empresas maiores que, na realidade, são braços da pt. (os accionistas da zon são praticamente os mesmos da meo).

    sem querer ser chato, tens ali uma gralha: disseste "usuários", palavra que não existe. penso que querias dizer "utilizadores". se bem que com o "aborto ortográfico", já não sei...

    ResponderEliminar
  18. E já agora no ambito desta pequena conversa, sou operador call center da dita cuja empresa e posso dizer que, infelizmente, já lidei com clientes em que foram aplicadas a PUA com trafego de 60gb... Com nets de 60mb...

    ResponderEliminar
  19. PUA com 60gb de tráfego?!?! Ridículo...

    ResponderEliminar
  20. Desde que saiu a net "ilimitada" na zon que nem me preocupo em activar a conta para poder ver o tráfego consumido!
    Sou cliente da tvcabo/zon desde que a bidireccionalidade era só para zonas de meninos ricos! Na altura tinha de usar o modem da cabo motorola surfboard para downstream e um modem 56kb USRobotics para upstream...

    Faço actualizações a maquinas que instalo (6 a 10 por semana) dos vários windows/osx/Offices que tenho de instalar mais todo o consumo multimédia cá em casa e nunca me deparei com o que dizem ser trafic shaping/PUA. Quanto ao trafic shaping as vezes parece-me que é falta de paciência visto usarem programas de downloads que estão dependentes de terceiros que por vezes têm ligações iguais ou piores que as nossas! Quanto à PUA nao posso comentar porque não experienciei (ainda... lol). É só darem-me motivo e começo logo a procurar outro serviço mas até aqui já vão para alguns 12 anos como cliente assíduo da TVCabo/ZON!

    ResponderEliminar
  21. Ora vamos lá elucidar melhor o pessoal. Quem fornece o serviço á ZON é a vodafone! A vodafone pressiona a ZON a restringir o pacote de dados aos clientes. Pior ainda: quem faz um contrato com a Vodafone, de 7,2 MB/s, em poucos dias fica reduzido a uns míseros 56kb/s! E ainda pior: a Vodafone cobra por um serviço (7,2), mas quando você reclama eles afirmam que o seu contrato é de apenas 4 MB/s. Ou seja: paga.se por um serviço, e eles dão-lhe outro fora do contratado! E ainda têm a lata de dizerem que após atingir os tais 7,2, a velocidade baixa para 128Kb/s. Agora dá para rir um pouco: enviaram-me, a Vodafone, uma actualização do serviço. Pois essa actualização de 71 MB, demorou 6 horas e 22 m a ser baixada do meu email. A desculpa foi sempre a mesma: avaria na rede! Uma ova é que era. Mandei-os dar uma volta e, acabei com todos os serviços que tinha com esses trafulhas. Vodafone-ZON nunca mais! Prefiro não ter internet a lidar com gentalha dessa, sem escrúpulos nem honestidade empresarial.

    ResponderEliminar
  22. Gostaria só de acrescentar algo. Eu tenho todo o serviço que tinha da Vodafone documentado e fotografado! A mim eles não conseguem desmentir.

    ResponderEliminar
  23. juntem-se aqui


    http://www.facebook.com/?ref=home#!/pages/Zon-com-trafego-ilimitado-mas-LIMITADO/246036272115963

    ResponderEliminar
  24. Reavivando esta thread, a PUA continua; estou eu de momento nessa situação e a ZON diz que se eu reduzir drásticamente o tráfego, o sistema automaticamente deixará de "moldar" a velocidade actual para aquela que foi contratada. Tenho fibra 120mbits e nem à página da ZON consigo chegar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vergonhoso... É por esses e por outras que prefiro manter-me em velocidades pré-(pseudo)Fibra... já que imagino que se passasse para velocidades anunciadas como superiores, o tráfego efectivo continuaria a ser o mesmo - ou ainda menos.

      Temos um caso em curso de reclamação referente ao traffic shaping na zon, vamos lá ver se culmina em resultados práticos.

      Eliminar
  25. Boa tarde,

    antes de mais quero dizer que estou encantado com este site e quem me dera já o ter encontrado a mais tempo!
    O primeiro artigo que li foi da comparação do HTC OneX com o S3 e graças a vocês estou mais reticente sobre qual comprar (terem-me posto esta dúvida foi muito bom ahahah)
    Penso que li umas 7 páginas até agora! (e descobri hoje :p)

    Quanto ao assunto em questão, já era de esperar vindo da ZON, é bastante conhecida por oferecer algo que não consegue, nem tem, capacidade de oferecer ao cliente!
    Depois de muito investigar lá pus MEO em casa e não estou arrependido sinceramente. Gostava bastante que a MEO tivesse os mesmos serviços da ZON, mas acho que tal não vai ser possível.

    Um abraço e contem comigo para aumentar o nº de visitas diárias!

    ResponderEliminar

[pub]