2011/06/28

Projecto Google+

Não é segredo que o Google tem tentado entrar na área das redes sociais há bastante tempo (com a aquisição do Orkut, por exemplo), e que essa vontade se tem tornado cada vez mais forte face à crescente "ameaça" do Facebook. No entanto, se há muitas coisas que o Google tem feito bem, a parte do "social" parece continuar a ser um mistério que o Google não consegue decifrar.



E agora, o Google volta à carga com este Project Google+ que... pode ser a "faísca" que fará explodir o Google na vertente social. Pelo menos, por aquilo que nos mostram (versão em Português), promete ter potencial.



Ora vejamos:

Circles - Círculos de Amigos



Certamente já terão sido forçados a lidar com este problema... Nos sites sociais em que apenas temos dois níveis de conhecimento (ou são "amigos" ou são "desconhecidos") rapidamente verificamos que há amigos e "amigos".
Há amigos, colegas, amigos que gostam de cinema, outros que não podem ouvir falar disso, etc. etc.

Com este Circles, o Google encontrou uma forma aparentemente simples de organizarmos todos os nossos amigos nas categorias que desejarmos: famíla, colegas de trabalho, amigos de infância, amigos que gostam de cinema, etc. etc.


Sparks



Com este sparks (faíscas) o Google pretende criar uma faísca que despoleta os nossos interesses. Basta dizermos aquilo que estamos interessados, e teremos sempre material actualizado à disposição para nos entreter ou discutir com amigos.


Telepresença com os Hangouts



Este hangout poderá ser uma das melhores armas secretas do Google+, pois permite fazer uma videoconferência entre todos os amigos que se quiserem juntar, prometendo tornar encontros à distância mais divertidos e práticos que nunca.


Instant Uploads



Outra das coisas que habitualmente se torna frustrante. Tiram uma fotografia com o vosso smartphone, mas depois têm que as transferir para o PC, ou usar um qualquer outro serviço para a partilharem com os vossos amigos. Com o Google+ Instant Upload, isso será coisa do passado: sempre que tiram uma foto, esta será instantâneamente enviada para um album do Google+ que poderão partilhar com o círculo de amigos que desejarem.


Huddle



Para comunicação instantânea entre os vossos círuclos de amigos, surge o Huddle. Que faz... isso mesmo: instant messaging entre um grupo de amigos, sem necessidade de chatear os restante amigos.



O Google+ está numa fase beta só disponível por convites (será que teremos que nos organizar novamente como fizemos para distribuir os convites do Google Wave? ;), e tem já uma App para Android (brevemente surgirá também na App Store para iPhone - embora a Web App do Google+ não esteja nada má.)

Que vos parece... será desta que o Google consegue entrar com o pé direito nas redes sociais?

16 comentários:

  1. O Google+ parece-me muito bem pensado! Vai buscar o que de melhor tinha (tem...) o FriendFeed e torna-o mais fácil. Além disso, parece-me que contorna algumas das irritações do Facebook.
    O cuidado no visual também é grande.
    Se isto não for bem sucedido, então não sei o que será...

    ResponderEliminar
  2. Tem tudo para o ser.. o problema aqui é as pessoas que estão agarradas ao Facebook e não querem mudar, porque já lá têm um histórico e os seus amigos. É a mesma coisa que convencer alguém para utilizar o GTalk ao invés do MSN.

    Venham os convites =)

    ResponderEliminar
  3. Continuando...
    Uma das coisas que mais me agrada, e que nenhuma rede social ainda tinha conseguido, é que poderemos partilhar o que queremos apenas e só com quem queremos. (sim, já sei que também é possível isso no FB com as Listas e os Grupos, mas aqui parece-me mais simples e intuitivo)

    A grande dúvida: vai a Google exigir uma conta Google para aceder ao serviço? Se sim, começa mal...

    ResponderEliminar
  4. Outra coisa.. O Buzz pode morrer e o profiles também podiam ficar integrados no Google Plus. Vamos a ver se sai coelho da cartola!! :)

    ResponderEliminar
  5. António, alguma inscrição tem de haver...

    Estou com uma fezada que sim, pelo menos parece ser mais intuitivo e mais compreensível que o wave.

    ResponderEliminar
  6. Eu ainda não vi muito bem este novo projeto.
    Mas o erro histórico e básico da Google foi o Google deixar até tão tarde importar de forma tão simples a lista de contactos de cada conta pessoal do Gmail para o Facebook. Um gigante como o Google que teve sempre a preocupação de arranjar o maior numero de "users" entregou muita "matéria prima" de mão beijada.

    ResponderEliminar
  7. Eu estou como o António, se obrigam a que seja email google para se aceder começam mal, um das coisas boas do FB é que não obriga que o email seja da empresa X ou Y.

    ResponderEliminar
  8. Para quem não tem conta no Google obviamente é necessário fazer o registo.
    Ao contrário do FB não é necessário ter qualquer email...
    Com isso ficam com acesso a todos os serviços que o Google oferece. GMail, YouTube, Picassa, Docs, etc, etc...

    ResponderEliminar
  9. Eu percebo a "irritação" que provoca a alguns os serviços google obrigarem a conta google. Mas sejamos pragmáticos, tb não é assim incomodo tão grande..

    Além disso, transportemos a coisa para outras realidades:
    Queriam fazer login no Site do BES com o mesmo numero de conta do Millenium?
    Queriam usar o numero do BI como identificador da segurança social?
    (a outra hora do dia arranjava melhores exemplos, mas fica a ideia).
    Agora pense-se nas vantagens:
    Ao obrigar a um login, é login unico para dezenas e dezenas de serviços. E para não falar na integração com Android. Queriam, para essa integração total, depender de um Hotmail? eu não queria..

    mas isto sou eu.
    Abraços

    ResponderEliminar
  10. Só mesmo utilizando é que deve dar para ter noção da utilidade de cada um desses projectos.
    Achei interessante o Sparks.

    ResponderEliminar
  11. Eu gostava de experimentar no android, mas preciso de um convite..

    ResponderEliminar
  12. Eu nao queixo de ter de usar contas Google, eu estou a por-me no lugar de todas aquelas pessoas que tem hotmail, Yahoo, etc aos anos que nao são do meio e que para eles n existe motivo para ter outro email, outro login. São as mesma pessoas que n largam o msn, que se juntaram ao Facebook pq os amigos estavam lá, e porque foi simples de aderir.

    A analogia ao banco nao é a melhor, apesar de a compreender.

    ResponderEliminar
  13. então e convites? ainda ninguém arranjou nada?

    ResponderEliminar
  14. nem é necessário que a pessoa esteja no G+ para poderem falar com ela

    Another twist is that people in your circles don’t have to be members of Google’s social net. If Aunt Mary refuses to opt in, you can include her anyway, and she can still get the pictures you post to the circle via e-mail.

    daqui

    http://www.wired.com/epicenter/2011/06/inside-google-plus-social/all/1

    ResponderEliminar
  15. Boas a todos
    a minha modesta opinião, é que o G+ sim está muito á frente do FB em termos de simplicidade de partilha de conteúdo o que é uma grande guerra no FB.
    Também sou da opinião que ter uma conta do Gmail não é inconveniente, antes pelo contrário trás vantagens e especificamente os circulos fazem bem o trabalho assim como a integração com todas as plataformas especialmente com o android. Espero e rezo para o Buzz desapareça de vez. Já escrevi à Google a reclamar desse serviço, espero que um dia eles leiam..... .se quiserem um convite mandem um mail para deckard@sapo.pt depois mando-vos um convite, Abraço a todos

    ResponderEliminar

[pub]