2012/05/07

Snapchat - a Ilusão de Fotos Privadas Temporárias


A ideia deste Snapchat até poderá parecer interessante à primeira vista: partilhar fotos que apenas poderão ser vistas por tempo limitado. Uma App que assim possibilitará o envio de fotos um pouco mais "ousadas" (certamente mais que as da nossa revista Playboy :) e que se terá a garantia que serão eliminadas automaticamente no fim do prazo.

Tudo isto é muito lindo... não fosse falhar na sua vertente mais básica... a de que é impossível garantir a "segurança" de uma foto a partir do momento em que esta é exposta. No caso de uma App do iPhone, qualquer utilizador poderá simplesmente fazer uma captura do ecrã para imortalizar uma foto que supostamente apenas deveria existir por alguns segundos (os criadores da App dizem que nesse caso será enviada uma mensagem a avisar a pessoa que tirou a foto).

Mas, não seria mais complicado alguém usar outro smartphone ou câmara fotográfica para tirar uma fotografia ao ecrã, para guardar aquela imagem sem "alertar" o seu autor ou autora.

Ou seja... fotografias "temporárias"... isso é coisa que não passa de uma ilusão. E com a quantidade de serviços que automaticamente envia toda e cada foto que tiramos, para a cloud (do iCloud da Apple aos Web Albuns do Picasa do Google)... cada vez se torna mais complicado que qualquer fotografia que se tire efectivamente esteja livre de poder ser vista por terceiros.

1 comentário:

[pub]