2013/10/08

Hangouts prestes a ganhar integração com SMS e MMS


O Google quer que os seus hangouts se transformem numa plataforma universal de comunicação, mas até ao momento pouco mais fazem do que qualquer outra app de mensagens e videochamadas (para não falar do seu sistema de sincronização que faz com que por vezes as mensagens mais antigas aparecem retroactivamente "por magia" durante as conversações, sem que as tenhamos visto antes). Finalmente, parece que estão prestes a ganhar aquilo que os utilizadores de iOS já bem conhecem do iMessages: a transparência de poder enviar mensagens sem termos que nos preocupar se a outra pessoa usa ou não o mesmo sistema.

O Hangouts parece estar prestes a ganhar integração com os SMS, o que faz antever que se venha a tornar num "iMessage". Ou seja, quando escolhem um destinatário, a mensagem será enviada via Hangouts caso a outra pessoa tenha um smartphone com capacidade para os receber; ou em alternativa será enviada via SMS, fazendo com que chegue a qualquer pessoa, mesmo que tenha um simples telemóvel "burro". Tal como acontece nos iMessage será possível dizer que não se quer que as mensagens sejam enviadas via SMS (para evitar gastos acidentais).

É uma novidade que será muito bem apreciada e ajudará a fazer esquecer as diferenças entre mensagens "antigas" e "modernas" - e que a seu tempo virá a fazer o mesmo também para as chamadas de voz e video-chamadas. Não seria nada difícil aplicar o mesmo conceito às chamadas telefónicas: se fosse entre dispositivos com hangout, fazia uma chamada via hangouts em vez de o fazer via rede "de voz" - e certamente será esse o próximo passo... assim que os operadores chegarem à conclusão que apenas fará sentido disponibilizar planos de dados e deixar cair os "minutos de voz" ou "pacotes de mensagens".


E assim a Apple vai deixando fugir a excelente oportunidade que tinha de ter transformado os iMessages e Facetime num serviço de comunicação global multiplataforma (e ainda por cima depois do próprio Steve Jobs ter prometido que o FaceTime seria um protocolo aberto a todos!) Não fazem eles... outros se encarregarão de o fazer.

2 comentários:

  1. Era bom que desse a opção de escolha via SMS ou Hangouts mesmo caso o destinatário tenha smartphone com a app instalada, uma vez que, com os ridículos plafonds de dados que as nossas operadoras disponibilizam, há quem (como eu) tenha os dados desligados a maior parte do dia. E isso já fez com que só recebesse mensagens do whatsapp horas depois.

    ResponderEliminar
  2. Destaco o último parágrafo do teu artigo, é de facto uma pena.

    Venha de lá o Hangouts então, que até é o que mais utilizo.

    ResponderEliminar

[pub]