2014/05/24

CityHome do MIT triplica o espaço útil de uma casa


As nossas casas actuais são o exemplo perfeito da falta de eficiência. Temos espaços que ficam amplamente subaproveitados durante a maior parte do tempo mas que "ocupam espaço" continuamente. O CityHome do MIT é uma proposta que permite triplicar a área útil de uma casa ou apartamento.


Nesta versão "micro" do CityHome, aplicado a um pequeno estúdio de 20 m2, temos um bloco modular móvel e transformável que permite adequar o espaço em função das necessidades do momento. Uma sala ampla pode rapidamente dar lugar a um quarto de dormir com uma cama que aparece "por magia" assim que fazemos determinado gesto ou comando vocal; ou tornar-se numa sala de jantar, com uma mesa e banco que se estendem desse mesmo módulo. Também o espaço para cozinhar pode crescer quando for altura de preparar as refeições, e o espaço destinado à casa de banho fica "comprimido" até que seja necessário tomar um duche. E também as luzes e cortinas podem ser controlados facilmente através de gestos.

Os responsáveis por este projecto dizem que o seu objectivo não é puramente académico mas sim o de fazer com que este CityHome venha realmente a chegar ao mercado e ajudar a vida das pessoas. Só não se arrisca é a avançar com uma data para que isso aconteça.

Actualização: demorou um pouco mas está a chegar ao mercado, como Ori Systems.



Para comparação... outra das propostas deste mesmo conceito CityHome, aplicado a espaços maiores, mas com idênticas vantagens da maximização do espaço:

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]