2018/01/16

Site da OnePlus pode ter deixado cartões de crédito dos clientes em risco

Caso tenham efectuado alguma compra no site da OnePlus nos últimos meses com cartão de crédito, será conveniente terem cuidados redobrados quanto a potenciais compras fraudulentas efectuadas em vosso nome.


De acordo com a OnePlus, há relatos que referem movimentos não autorizados em cartões, que foram utilizados pelos clientes no site OnePlus.net. Estão neste momento a decorrer investigações no sentido de verificar a situação, mas a OnePlus não forneceu mais esclarecimentos sobre este caso. Se consultarem o tópico no fórum, terão acesso a uma lista de perguntas/respostas que correspondem a um resumo sobre o que está a acontecer.

A OnePlus confirma que os utilizadores que detectaram transacções não autorizadas são efectivamente seus clientes, tendo efectuado uma compra directa sem recurso a sistemas de pagamento como o PayPal. A marca refere ainda que não guarda no site informações sobre os cartões de crédito e que utiliza um processo de pagamento com ligações encriptada, respeitando a norma PCI-DSS.

A recomendação da OnePlus é que caso detectem alguma transacção não autorizada, contactem o banco respectivo para reportar a mesma. A OnePlus está ainda a recolher informação, tratando cada caso individualmente, não sendo previsível que este seja um problema de larga escala. De qualquer forma, caso tenham efectuado compras no site da OnePlus com um cartão de crédito, o melhor será verificarem que não têm transacções indevidas no mesmo ao longo dos últimos meses.

1 comentário:

  1. A segurança dos cartões de crédito é simplesmente uma anedota. Há umas décadas ainda se compreendia mas actualmente não existe justificação para um serviço de débito ou de crédito não utilizar sistemas de assinatura digital avançada (resistente a computação Quântica) num dispositivo pequeno que garantam que o cliente tenha autorizado a operação. Tal não acabava com todos os problemas (furtos/ roubos/ ameaça psicológica ou física/ enganar com esquemas fraudulentos, etc.) mas pelo menos reduziam o impacto à escala global a uma fracção do problema actual com benefícios para todos os envolvidos.

    ResponderEliminar

[pub]